quinta-feira, abril 03, 2008

EXEMPLAR CDU!!!














Exemplares são as exigências da CDU sobre a qualidade ambiental em Vila Franca de Xira , o que é pena é que essa exigência de qualidade ambiental não se reflita na prática da CDU quando nos municípios da região está em maioria!

Todos sabemos o que se passa nos municípios da Margem Sul , da sua qualidade do ar a outros indicadores ambientais e de qualidade de vida, veja o que exigem exemplarmente nos municípios vizinhos, a noticia é do Jornal de Noticias:

¨CDU diz que Câmara "autoriza" poluição
Os vereadores da CDU na Câmara de Vila Franca de Xira estão insatisfeitos com a gestão ambiental do PS num concelho onde "os registos de poluição estão acima do que é legalmente estabelecido".

As informações sobre a gestão ambiental foram dadas durante a última reunião do Município, dia 26 de Março.
A CDU informou que a Câmara não te
m conhecimento da natureza de resíduos que estão a ser queimados na Cimpor, nem tem registo da qualidade do ar emitida aquando da queima de resíduos não perigosos.

A autarquia "não mantém a população informada sobre a qualidade do ar", mesmo após muitas solicitações dos alhandrenses, que sofrem com "inúmeros registos de poluição acima do legalmente estabelecido, divulgados há mais de dois meses", acusa a CDU.

"Considerarmos as conclusões graves", o que demonstra "irresponsabilidade e falta de capacidade da gestão PS, sobre o cumprimento mínimo dos seus deveres quanto a uma política correcta sobre gestão ambiental, sobretudo no que diz respeito ao processo de co-incineração de resíduos não perigosos, que de
corre em Alhandra", afirma João Milheiro da CDU¨

Relembra-se os sete últimos meses de silêncio da CDU, das autarquias CDU, dos deputados PCP e Verdes sobre as denúncias em Julho , dos deputados PCP na Assembleia da Republica sobre poluicão radioactiva na Siderurgia Nacional!!!

Relembro também o silêncio, sobre os hidrocarbonetos sólidos depositados em terreno de Reserva Agrícola e Ecológica (no local da imagem - nó do Fogueteiro - onde uma central de betonagem funciono
u mais de um ano como o documentado ) , os hidrocarbonetos liquidos depositados há décadas em lagoas de retencão na Siderurgia Nacional , os esgotos sem tratamento depositados no Tejo por todas as autarquias da Margem Sul ou o desmantelamento terceiro mundista de navios em Alhos Vedros... a piscicultura em Corroios !!!

_______________
_________________________________

DESTAQUE


Para este post (clique) do blogue Rumo a Bombordo.

10 comentários:

Velas do Tejo disse...

...a piscicultura em Corroios; a alta tensão a passar por onde nunca deviam ter sido autorizadas as construção de casas, as cantenárias do MST a passarem a dois metros dos primeiros andares de centenas de apartamentos em Almada e Corroios; A merda dos cães pela relva onde brincam crianças; as suiniculturas e vacarias a despejarem para valas reais; as quintas e matas convertidas em bunkers de betão...

Velas do Tejo disse...

além disso, não batam na "Rosinha" porque eu gosto dela

Antónimo disse...

Tou ta ver Ó Velas do Tejo!
Peito ao vento na Baía do Seixal... e agora a cantar-me rosinhas... e a falar-me em velas rizadas.
O ponto verde, é ponto assente... vai manter-se como reserva estratégica.
Tás feito.. seja a versejar sobre rosinhas , camélias e flores da mata...trata é de dar o pano todo ás velas e.... orça! Orça!Orça!
As Marias "nós as mulheres",só queremos saber -ONDE ,QUANDO !
Da Marinha do Tejo percebes tu, como, porque e quejantos ...depois se verá!!!!...

ana disse...

Aqui está um exemplo tipico da atitude da CDU (PCP) exige tanto e denunucia tanto nos municipios em que não é poder e não reconhece o mesmo direito a quem quer que seja de fazer o mesmo, quando é poder.
Não sei o que se passa com a qualidade do ar em Vila Franca de Xira, mas posso testemunhar que Vila Franca de Xira está linda sob a governação da Rosinha, precisamos de "Rosinhas" na margem sul do tejo

Antónimo disse...

Sugestão para Plataforma MARIAS A-SUL DO TEJO

-As marias da margem sul, há mais de trinta anos sufocadas com a monocultura dos cravos vermelhos, perante a indiferença e subserviência dos rosas e laranjas, e outros, pretendem suscitar a reflexão-dos cidadãos e munícipes sobre a realidade da ditadura a que estão sujeitos.
.Os munícipes deste concelho têm direito a ter voz, a serem informados e a terem condições de participarem na vida cívica, o que até agora devido ao controle comunista de todos as estruturas quer associativas, quer camarárias ou outras não foi possível.
.A apregoada “democracia participativa” dos comunistas é uma falácia , continua a ser “a ditadura das suas elites”, e querem continuar a iludirmos, de que bastou mudar um artigo dos estatutos daquele partido, para alterar o modo de proceder.
.Acresce o por seu lado, o PCP estar dominado pelo controlo económico exercido através da CDU, sendo evidente o bom relacionamento entre estes e o grande capital-COMUNISTAS DO SEIXAL ALIADOS AO GRANDE CAPITAL, e perfeitamente plausível poder afirmar-se, que os antes INIMIGOS DE CLASSE, são agora AMIGOS COM CLASSE .
.Perante este estado sitio é preciso começar a planear o futuro, seja com listas de cidadãos, seja com listas únicas apartidárias com participação aberta a todos os cidadãos partidários ou não, e esquecer por uns momentos o que nos divide e trabalharmos naquilo que nos une.
.É tempo de dizer aos partidos políticos democráticos, que na margem sul os cidadãos também têm direito à democracia expressa na constituição, e deixarem de estar sujeitos aos caciques da sovietização .
.Temos de procurar soluções para este desenraizamento, este urbanismo caótico ao serviço dos patos bravos que nasceram e continuam a proliferar sem qualquer suporte qualitativo, desde que sirvam os interesses da máquina partidária, geradores deste completo esvaziamento e castração dos cidadãos e dos direitos de cidadania.
-É tempo de mudar e encontrar/reencontrar valores que permitam libertar os cidadãos.

Velas do Tejo disse...

Ponto Verde, por favor, preciso de ajuda para divulgar e sensibilizar para os riscos da construção de uma nova ponte sobre o estuário do Tejo.

Dê uma vista de olhos em: Velas do Tejo - Caveant Consules

Ponto Verde disse...

Caro Antónimo, sobre o seu primeiro comentário, não comento a sua opinião. Destaco porém a lucidez do segundo que se me permitir publicarei em breve como participacão de leitor, objectivo desde sempre deste ¨blogar¨ mas nem sempre possível.
Agradeco a seriedade e a reflexão, nesta espero que não vã tentativa de elevar o nível...

Velas do Tejo disse...

Carissímo Antónimo,
A Rosinha é a Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira por quem tenho muito apreço. Aplaudo e aguardo o monumento prometido ao fragateiro (pro cá choro um estaleiro convertido em entulho), elogio a sensibilidade, frontalidade, humildade, honestidade e, principalmente, como esta mulher olha para o rio.

Quando a resto dos temas que aqui temos abordado, confesso que sou particulamente sensivel à temática de "Mulheres ao poder", elas lá conhecem as dores de parir, eu tenho três grandes mulheres na minha vida (a minha mãe, a minha mulher e a minha professora primária), conheço-lhes o mel e o fel...

Mas, uma vez que se toca neste tema, e para evitar equivocos, gostava de deixar claro os meus objectivos e motivações, assim como compreendido até onde podem ir as "Velas". O Velas está disponível para a revolução mas não está disponível para o poder. Contém com as velas para tirar partido do vento e por o barco a andar, não contem com as "Velas" para o leme.

Antónimo disse...

Não entro em diálogos, como sempre!
Quando aos esclarecimentos, tá tudo bem , já estmos todos esclarecidos.
As Marias "nós as mulheres",só queremos saber -ONDE ,QUANDO !
Anuncia lá um e-mail para inscrições, Chama-lhe Estados Gerais... Andorinhas do Tejo....
Encontro de Reflexão
Qual poder!Qual revolução qual carapuça!
É simples...vês, basta um curso de marinharia em àgua do luso!

Anónimo disse...

Ò Antónimo, tanta pressão para quê ? Com Timing já basta o ¨Movimento¨ que acaba de nascer , uma candidatura de cidadãos tem que aparecer ¨á queima¨ , como elemento surpresa. Reflectir ? Discutir? Isso devia estar a acontecer há 34 anos!!!