sexta-feira, outubro 29, 2010

UMA MENTIRA QUE CUSTA 250 MIL EUROS MENSAIS


Foi ontem notícia no "Portugal Directo" , serviço informativo da RTP 2 , o novo edificio da Câmara do Seixal, anunciado como sendo "o primeiro edificio público com certificação energética" e carregadinho de maquinaria hi-tech destinada a "poupar" ...

Claro que ninguém explicou que é preciso "poupar" muito para compensar os 250 mil euros mensais de renda, muito mais para a autarquia se tomar real posse do edifício , ou , como é que aquele edifício é uma referência energética dependendo de tanta energia para funcionar.

Claro que ninguém explicou como é que uma estrutura revestida por vidro e estanque , tem tantos ganhos energéticos para ser uma referência nacional, senão mundial...

A única certeza é de que uma mentira dita muitas vezes se arrisca a se tornar uma verdade... mas que nunca será científicamente, ou mesmo tecnicamente , provada...


A reportagem mostrou muito sensor, muita máquina , muitas superfícies vidradas, mas nem um único painel solar térmico, nem um único painel solar fotovoltaico, um único aerogerador ... alguém sabe informar onde estão ?

E já agora ; Qual a entidade certificadora ?

VEJA AQUI (link), a partir dos 4min 13 seg

quinta-feira, outubro 28, 2010

ENIGMA


Os inúmeros mails recebidos extrapolam as dúvidas e o alarme da população sobre a torre de Alta-Tensão que está a ser construída no Casal do Marco, junto à A2.

Na impossibilidade de dispormos de informação, mas também intrigados pela construção de uma estrutura tão gigantesca e de grande impacto ambiental .

Sabendo que uma torre daquelas nunca vem só, aqui fica o pedido para quem tenha explicação, para o que é, de onde vem, para onde vai, sobre o que é que vai passar ?

quarta-feira, outubro 27, 2010

LIQUIDAÇÃO TOTAL



Portugal está nos lugares cimeiros dos países com hipermercados, façam-se as contas que se fizerem, por número de habitantes, por área comercial, por lojas etc...etc... etc...

A área metropolitana de Lisboa Tem hoje 41 "Shoppings" !


Muitos dos grandes Shoppings nascidos na AML fôram-no na Margem Sul, administrada por autarquias Comunistas, e nunca demos conta que o PCP se opusesse ao crescimento destas superfícies, nem que obrigasse a um modelo ( seguido por exemplo em Aveiro e no Porto ) com a construção desse tipo de lojas sim, mas no centro das cidades.

Pelo contrário, o que nasceu nas autarquias Comunistas foram invariávelmente Grandes superfícies construídas ( ERRADAMENTE ) fora das zonas urbanas , modelo que provoca que o que cresce no shopping, decresce no centro da cidade ... e que só poderia conduzir ( num dos países cuja economia menos cresceu no MUNDO ) ao estado actual em que muitos ( refiro-me aos investidores e peomotores deste modelo ) já concluíram que o futuro está na reconversão e reconversão dentro da malha urbana uma vez que se assiste a uma retracção e a uma grande rotação das lojas.


Este é o cenário que podemos colher agora depois dos Almada Forum , Rio Sul ,Forum Barreiro etc...etc...etc... um cenário previsível, esperado , anunciado... Mas o que preocupa mesmo o PCP é a abertura dessas lojas ao Domingo ... cito «

« O PCP vai pedir a apreciação parlamentar do decreto-lei do Governo para alargar o horário das grandes superfícies.

"Foi um autêntico golpe legislativo para liberalizar o que faltava", considerou o deputado do PCP Agostinho Lopes »

É EXTRAORDINÁRIO !!! Quando está na calha um Seixal Retail Park , mais outro "Retail Park" está prestes a ser inaugurado em Coina ....e o mais que para aí virá com a revisão do PDM e com as novas acessibilidades do IC32 !!!

Mais uma vez pergunto :

- Mas isto é gente séria , sobretudo depois de muita obra anunciada pelos autarcas do PCP como sendo sua , terem sido de facto construídas por esses promotores ?

terça-feira, outubro 26, 2010

ACESSOS AO PORTINHO DA ARRÁBIDA - A OITAVA MARAVILHA



O Portinho da Arrábida foi recentemente finalista do "concurso" das "Sete Maravilhas de Portugal " ... mas eis como se encontram os acessos à praia pelo lado Norte , o do dito Portinho própriamente dito .


E o Inverno ainda não chegou.


Onde anda a equipa da D.Maria das Dores agora que não há câmaras da TV por perto e a população já lhe fez a denúncia desta situação ?


Sem mais comentários (fotografias de Pedro Vieira).

segunda-feira, outubro 25, 2010

ESTACIONAMENTO PELOS AJUSTES



Não vem nos jornais, não vem no Boletim Municipal, mas na blogoesfera atenta , que sabe fazer contas , não passa .

No Seixal , um "Parque de Estacionamento" para 32 veículos pelo custo módico, em ajuste directo , de 60.863 € ou seja , quase 2000 euros por veículo... será o chão aquecido ? Será o piso de caxemira ? Terá protecção para o Sol de Verão ? Terá aquecimento no Inverno ? ... ou será que há aqui lavagem...de viaturas ?


- Seremos todos cegos ? ... e viva a Krise...

Notícia e foto Blogue « 31 da Garrafada » por leitura de Rumo a Bombordo .

In: Ajustes Directos

Objecto do contrato:
Empreitada de Execução de um Parque de Estacionamento na Rua Oliveira Martins, Amora, Seixal - DSIT

Data da celebração de contrato:
21-07-2009

Preço contratual :
60.863,43 €

Prazo de execução:
45 dia(s)
Local de execução:
  • Portugal - Setúbal - Seixal

sábado, outubro 23, 2010

LER PARA COMPREENDER

« O livro Os Donos de Portugal expõe a história da burguesia, e do seu processo de acumulação de capital, no período de cem anos, compreendido entre 1910 e 2010.

Se, por um lado, são abordados os recentes escândalos associados ao BCP, BPN e BPP, os autores procuram abordar as origens das grandes fortunas, nascidas “da protecção: pelas pautas alfandegárias contra a concorrência, pela ditadura contra as classes populares, pela liberalização contra a democracia na economia”, e demonstram “como os donos de Portugal se instalam sobre o privilégio e o favorecimento” »

“Este é um ensaio sobre os últimos 100 anos de luta entre o poder económico e o poder político”. Foi desta forma que Fernando Rosas resumiu o livro “Os donos de Portugal”,o livro chega até à actualidade e mostra que “ao longo dos últimos anos, o Estado ajudou a criar os grandes grupos económicos existentes em Portugal”.

Francisco Louça, que falou aos jornalistas antes da apresentação, garante que “o problema de Portugal são os donos do país”, fazendo referência às grandes famílias que detêm o poder económico em Portugal. “Descobrimos que os Mello e Champallimaud são a mesma família, que também se cruzam com os Espírito Santo, com os Pinto Basto, com os Ulrich”, acrescentando que nos últimos trinta anos de governo, “um em cada cinco dos ministros e dos secretários de Estado no poder passou pelo BCP e um em cada dez pelo BES”. “Estas são famílias que detêm o essencial do poder económico português”, garante ainda Fernando Rosas.

“O que fracassa em Portugal é o privilégio de alguns que acaba por levar à falta de ambição”, garante o líder bloquista, Francisco Louçã.» ( i )

_______________________________________________________

E agora, acrescento eu, ainda se está para fazer a História das novas oligarquias e "monarquias" nascidas dos arrivistas e oportunistas da Democracia , as linhagens de deputados , de ministros e Secretários de Estado, de Acessores e de Autarcas , em certas carreiras profissionais , que beneficiando-se a si próprios e à sua prole, excluem todos os outros , desprezando o melhor que Portugal tem.

O meu pai sempre disse que este país era de meia dúzia , infelizmente assim continua .

Dos Filhos de Algo aos
Filhos da ... outra , em 36 anos pouco se mudou , em alguns casos até se piorou, a Cunha, o Compadrio muitas das vezes à custa do erário público nunca antes atingiu os patamares do presente , das autarquias que nos rodeiam às altas esferas do Estado.

Houve moscas que mudaram , houve moscas que voltaram, houve moscas que despontaram e houve moscas que sempre por aí andaram... o esterco , em grande parte continua a ser o mesmo .

sexta-feira, outubro 22, 2010

PONTE - O FIM DAS BORLAS DE AGOSTO


No meio de tanto corte, finalmente vejo ( em tese ) um que faz sentido, o fim das borlas na Ponte Sobre o Tejo no mês de Agosto , algo que era há muito incompreensível e discriminatório porque obviamente eram os que pagavam os restantes 11 meses em portagens e/ou os que lá não passaavam , em impostos , que cobriam o regresso dos veraneantes da margem norte a casa.

Claro que disso não resultará serem reduzidas as portagens para os que utilizam a ponte diariamente para além de Agosto e , que vai ser mais uma forma da Lusoponte aumentar a sua receita com a justificação que o Estado poupa na "compensação" devida por Agosto . Mas ao menos há um mesmo peso e uma mesma medida para todos e ao longo de todo o ano.


Com uma excepção, acho que deveriam continuar isentos de portagem os veículos de transporte colectivo que durante a ápoca balnear transportam crianças, porque essa pode ser a diferença entre poderem ou não ír uns dias à praia .

Nota : Estou a escrever este post antes da reacção da Camarada Luísa, fico curioso qual será , já que a blogoesfera próxima do PCP considera o a-sul « um blogue da extrema direita fascista » ... eles que são o expoente da "igualdade" ...

Nota 2 : Afinal não houve reacção.
_________________________________________________

ÚLTIMA HORA - ISALTINO E O MECO

José António Cerejo - PUBLICO

O presidente da Câmara de Oeiras, Isaltino Morais, foi hoje constituído arguido no quadro de um inquérito judicial em que estão a ser investigadas suspeitas de corrupção.


A investigação incide sobre as circunstâncias em que Isaltino, então ministro do Ordenamento do Território de Durão Barroso, celebrou um acordo com o grupo imobiliário Pelicano, em 2003, através do qual o Estado lhe atribuiu o direito de construir um grande empreendimento na Mata de Sesimbra, em troca dos direitos de construção que os tribunais haviam reconhecido aos proprietários de uma faixa de terreno do litoral da Aldeia do Meco.


quinta-feira, outubro 21, 2010

A-SUL ATACADO 2


Nem vou comentar , deixo-vos com uma pérola da mentalidade reinante neste burgo, a mentalidade que salta dos blogue para acessorias, de acessorias para lugares eleitos e assim por diante.

Esta é a reacção de um dos blogues que sistemáticamente se têm empenhado a descridibilizar o que é escrito no a-sul ,
os seus autores , comentadores e até leitores.

Como dissemos a semana passada: - Temos pena !

Cito para memória futura um texto , que apesar do prometido black-out foi publicado como comentário no a-sul e como post
principal no tal SENSEI como é visivel da imagem ... Ora eu cá SÓ SEI que a mentalidade desta gente é abaixo de caracol...

« Informa-se quem quer que seja, de que no blogue Barreiro por Sensei não serão admitidos quaisquer comentários de um tal Ponto Verde alegadamente ligado ou não a um blogue do Seixal designado por A-SUL.

Neste ponto cremos estar alguém, estamos certos de que sim, a procurar implicar esse blogue a-sul em outros, mas desta feita sem a identificação correcta do blogspot, pelo que como não estamos minimamente interessados em conotações com partidos ou posições de direita e de extrema-direita, forma como encaramos esse blogue e quem nele se expressa, fica aqui clara sobre qual vai ser a nossa atitude a quando de qualquer comentário que seja oriundo desse blogue ou que refira o que quer que seja com esse blogue, será pura e simplesmente eliminado.
Da mesma forma que nos foi dado a conhecer que este mesmo autor utilizou links do nosso blogue Barreiro por Sensei, para os colocar nesse blogue de extrema-direita.
Fica aqui a devida declaração:

OS ELEMENTOS DESTE BLOGUE SEMPRE RECUSARAM E RECUSAM UNANIMEMENTE COMENTAR OU DE ALGUMA F
ORMA PARTICIPAR NO BLOGUE EM CAUSA.
Pois o mesmo não só é indigno da nossa atenção, como para nós não tem qualquer expressão na blogosfera local.

Fim do assunto em definitivo.

Os SENSEI

10/16/2010 04:09:00 PM »

______________________________________________


PREMIO SAKHAROV PARA FARINAS

O Parlamento Europeu atribuiu hoje o Prémio Sakharov para a Liberdade de Pensamento ao dissidente cubano Guillermo Farinas, que realizou 23 greves de fome contra o regime castrista, disseram fontes parlamentares citadas pela agência noticiosa francesa AFP.

Gillermo Farinas, de 48 anos, foi escolhido pelos líderes dos grupos políticos do Parlamento Europeu face a dois outros finalistas: a opositora etíope Birtukan Mideksa e a organização não governamental Breaking The Silence, que dá voz a antigos soldados do Exército israelita.

O laureado é um ciberjornalista e diretor da agência online Cubanacan Press (ilegalizada) e membro do movimento clandestino Aliança democrática cubana.

quarta-feira, outubro 20, 2010

BARREIRO E O ABISMO


Não sei o que é que os politicos , autarcas , governantes e sociedade civil precisam mais que seja demonstrado que este "modelo de desenvolvimento" das últimas décadas e que nos tem arrastado cada vez mais para a cauda da Europa , para que paremos e mudemos rápidamente de paradigma e de orientação.

É que alheios à situação económica e a todos os indicadores financeiros, aos cortes salariais, à recessão anunciada, autarcas há, como o do Barreiro , que vem agora anacronicamente revelar que, o "Plano de Urbanização da Quimiparque, vai definir três grandes áreas de acção, com a necessidade de recolocar o concelho no centro da Área Metropolitana de Lisboa" .

E o que são essas orientações de "desenvolvimento " ? « De acordo com a autarquia, e seus autarcas comprovadamente passadistas , uma das àreas de intervenção diz respeito à actividade industrial e portuária, a segunda a nível administrativo e a terceira a nível de habitação » sim, leram bem... a nível de habitação ... no fundo a mesma receita que no Seixal defendem para os terrenos de Siderurgia e que em Almada defendem para os terrenos da Lisnave ...

Mas quando é que estes senhores, que mais não são que meras correias de transmissão das vontades das grandes empresas de construção civil que paulatinamente e promiscuamente se foram apropriando do aparelho de estado , dos partidos e das autarquias tomam consciência que mesmo que queiram continuar com esta aberração, já não é mais possível continuar com este modelo ?

É que a realidade é de que , como escrevia esta semana o professor Carrilho no DN , « Portugal tem hoje cerca de um milhão de casas devolutas e mais de 300 mil casas à venda, porque nos anos 80 se construíram 28 mil fogos por ano, nos anos 90 esse número passou para mais do dobro (64 mil) , e entre 1998 e 2001 se chegou a 110 mil ... »

E continuo de acordo com Manuel Maria Carrilho quando este afirma, concluindo :

«Agora chegou o momento de ver para lá do teleponto. Precisamos de novos designios, de ideias que magnetizem os cidadãos e revitalizem a sua iniciativa e os seus projectos. E se quisermos falar na criação de riqueza, de crescimento ou de inovação temos de perceber que, como há dias dizia João Caraça, "tudo isto se liga a um modo de estar, a uma cultura. E uma cultura é só isso, um guia de escolhas" .

É por aqui que se tem de repensar Portugal : com novas ideias e perspectivas, com estratégias e modelos diferentes, com outras políticas e com outros políticos.

Só uma ruptura que coloque a qualificação no centro de uma nova estratégia nacional nos poderá fazer saír , a prazo, da situação em que nos encontramos. Começando por onde é preciso começar, que é pela qualificação da própria democracia.»

terça-feira, outubro 19, 2010

ECO - SOLUÇÕES


Foi apresentado ontem à imprensa europeia, no Museu da Electricidade em Belém , aquele que será o primeiro automóvel electrico , zero emissões , produzido em massa e integrado num novo sistema de carregamento energético.

O lançamento , se bem que futurista , não poderia , em termos nacionais e de conjuntura internacional , ter ocorrido conjunturalmente em pior altura até porque pelo seu preço, está (ainda) longe de ser um "carro do povo" ...

« Num contexto de grande procura pelo primeiro veículo de emissões zero, acessível e produzido em massa, a Nissan International SA, procedeu a 30 de Julho, deste ano, à abertura das pré-encomendas para o Nissan LEAF em Portugal e na República da Irlanda.

O outro mercado inicial para veículos eléctricos na Europa, o Reino Unido (RU), também confirmou que o processo de pré-encomendas se iniciará a 1 de Setembro. O processo de encomenda representa um primeiro passo na obtenção de um lugar na lista para receber o inovador Nissan LEAF, pelo que os clientes portugueses, irlandeses e britânicos estão na linha da frente para usufruir do automóvel na Europa. As entregas do Nissan LEAF começarão a ser processadas, em Portugal, a partir de Janeiro, na Irlanda em Fevereiro e no Reino Unido em Março de 2011.

"O anúncio de hoje aproxima ainda mais da realidade a mobilidade emissões zero na Europa", disse Simon Thomas, Vice-presidente Sénior de Vendas e Marketing na Nissan International SA. "O Nissan LEAF irá apelar a vários níveis; é um automóvel eléctrico com emissões totalmente zero, com todos os benefícios ambientais e financeiros que encerra, sendo também um automóvel familiar prático e divertido de conduzir. Esta é uma combinação poderosa e o Nissan LEAF está já a atrair um interesse significativo por parte de potenciais futuros clientes".

Desde Março, mais de 12.000 clientes na Europa subscreveram a recepção de informação regular relacionada com o lançamento do Nissan LEAF, enquanto nos EUA e no Japão, as pré-encomendas excedem já as 23.000 unidades, desde o início das reservas online, em Abril.

A procura tão elevada determinou que a Nissan irá lançar o Nissan LEAF na Holanda um pouco mais tarde do que o previsto. As vendas estão agora previstas para Junho de 2011 e o processo de pré-reservas abrirá em Outubro deste ano. Todos os outros mercados mantêm inalteradas as datas anteriormente anunciadas.

Para efectuarem uma reserva, os clientes, nestes primeiros mercados de lançamento apenas necessitam de entrar no website* do país respectivo e efectuar a encomenda. Um processo rápido e simples, que obriga a um sinal – totalmente reembolsável – no valor de 300€. Aos "pioneiros" será também dada a oportunidade de efectuarem, em Dezembro, um exaustivo ensaio ao Nissan LEAF. Altura em que será necessária a confirmação formal da encomenda. Um centro telefónico foi criado em cada país, de maneira a prestar esclarecimentos e satisfazer eventuais dúvidas dos clientes. Os detalhes relativos aos centros telefónicos encontram-se disponíveis em cada website.

O preço do Nissan LEAF, após os incentivos governamentais, situar-se-á nos 30.250€ em Portugal, nos 29.995€ na Irlanda e nas 23.990 libras no RU, com a bateria incluída. Ou seja, apesar da avançada tecnologia de que dispõe, o Nissan LEAF não será mais dispendioso – aliás, terá até uma manutenção consideravelmente mais barata - do que um convencional familiar compacto de dois volumes. Prevê-se que os custos de manutenção se situem abaixo de 1,05 € por cada 100 km em Portugal, menos de 1,20 € na Irlanda e de 1,59 libras por cada 100 km no Reino Unido.

O Nissan LEAF está muito bem equipado, com sistemas como o ar condicionado, a navegação por satélite e a câmara de estacionamento traseira. Uma inovadora conectividade por smartphone irá permitir que o proprietário regule a temperatura do interior do automóvel, remotamente, através de um telemóvel.

O motor de CA do automóvel desenvolve 80 kW de potência e 280 Nm de binário, o suficiente para uma velocidade máxima superior a 140 km/h. O motor eléctrico é "abastecido" por uma bateria de iões de lítio laminada, com uma potência superior a 90 kW.

Um carregamento completo confere uma potencial autonomia de 160 km (US-LA 4 mode) que irá satisfazer as exigências de condução diária da maioria dos clientes. Pesquisas realizadas a nível global indicam que a quilometragem média diária de 80% da população mundial é inferior a 100 km: o valor no Japão e no Reino Unido é inferior a 50 km para 80% da população.

O Nissan LEAF já chegou às redes sociais, com páginas oficiais em português:
Facebook
Twitter
Facebook Nissan Portugal

*Portugal: http://www.nissan.pt/#vehicles/electricvehicles/leaf
Irlanda: http://www.nissan.ie/NissanLeaf
Reino Unido: http://www.nissan.co.uk/leaf (a partir de 1 de Setembro)

** O preço no RU inclui o nosso valor de IVA a 20%, efectivo a partir de 1 de Janeiro de 2011. Sobre a Nissan na Europa A Nissan emprega cerca de 12.500 funcionários nas respectivas operações europeias de concepção, pesquisa e desenvolvimento, fabrico, logística, vendas e marketing. No ano de 2009, a empresa vendeu 498.027 veículos, em 40 mercados na Europa Ocidental e de Leste, incluindo a Rússia. Além disso, a empresa produziu um total de 390.727 veículos nas unidades fabris de Espanha e Inglaterra.»

segunda-feira, outubro 18, 2010

A HIPOCRISIA DO PCP


Esta semana multiplicaram-se as acções de rua organizadas na rectaguarda pelo PCP no sentido de agitar as populações contra a introdução de portagens nas ditas SCUT com o "brinde" de um prometido e promovido "Buzinão na Ponte Sobre o Tejo" que iria paralizar a ligação entre as duas margens e ecoar em Lisboa.

O anunciado acontecimento afinal não aconteceu ,mas as notícias que dava noticia da oposição do PCP às portagens nas SCUT lá foi permitindo algumas declarações de "cidadãos anónimos" e de alguns dirigentes do PCP.

Acontece que na área de poder do PCP , nas autarquias de Almada e Seixal , não notamos qualquer oposição visível , ao facto de a via há muito prometida - CRIPSS (clique ) IC 32 - Coina/Trafaria vir a ser uma via , também ela portajada.

Essa via não será , não só portajada, como se iniciou já a sua construção ( na imagem ) com uma alteração incompreensível do seu traçado (clique) que afectará na forma mais gravosa , ambientalmente falando, quer o Sítio Rede Natura 2000 Fernão Ferro - Lagoa de Albufeira quer o Sitio Protegido no PDM de Mata e Maciço Arbóreo da Flor da Mata ... Isto sem que Os Verdes tenham manifestado o minimo alerta ou recomendação.


Assim começa a destruição de uma das zonas ambientalmente mais importantes a nível dos ecossistemas , das reservas aquíferas e do equilibrio que estabelece para com a zona densamente construída nas últimas décadas . Isto únicamente para que interesses privados da construção civil continuem a sua saga de betonização e massificação de uma região outrora conhecida pelas suas florestas e qualidade do ar.

Assim se vê a hipocrisia e os interesses do PCP !

domingo, outubro 17, 2010

VISÃO VERDE 2010


Está já nas bancas mais um número da edição anual da revista visão Visão Verde.

Embora continuemos sem saber os resultados da campanha de Florestação patrocinado por esta revbista há três anos « uma revista , uma árvore » à qual - entre outras - a Câmara do Seixal aderiu, recomedamos a leitura desta publicação cujos temas escolhidos não poderiam estar mais na ordem do dia.


Uma edição para ler, guardar e aprender a exigir !

sábado, outubro 16, 2010

BLOG ACTION DAY 2010


Regista-se hoje , globalmente , mais um Blog Action Day ao qual o a-sul mais uma vez se associa:

What is Blog Action Day? Blog Action Day is an annual event held every October 15 that unites the world’s bloggers in posting about the same issue on the same day with the aim of sparking a global discussion and driving collective action. This year's topic is water. For facts, figures, and post ideas click here ( PARTICIPE ) .

O tema deste ano é a àgua, a àgua , um bem que todos nós damos por adquirido , mas que está longe de o ser, prevendo-se mesmo que seja futuramente o valor de maior potencial no despoletar de guerras e outros conflitos

A nível local, numa península de Setúbal que está algo condenada a um cenário de pré desertificação, continuam-se a tomar decisões que conduzirão a breve prazo a uma escassez desse recurso fundamental, uma vez que se continua a urbanizar e a impermeabilizar àreas florestais e outras de importância fundamental para a reposição dos aquíferos, se continua a depositar resíduos industriais não importa onde e não se recolhe nem aproveita a nível individual água proveniente das chuvas que poderia ter uma aplicação prática e importante , uma sabedoria que rápidamente esquecemos dos nossos antepassados árabes e suas tradicionais cisterna.

Fundamentalmente continuamos sem autarcas nem governantes capazer de discernir os valores e os bens fundamentais para um futuro que será mais próximo que a sua ignorância e ganância nos querem fazer supôr
.


sexta-feira, outubro 15, 2010

O BUZININHO


Ontem o PCP , com a liderança da sua militante Luisa Ramos, com funções na autarquia de Almada, ex. Comissão de Trabalhadores da TAP e actual dirigente da auto denominada - pelo Partido Comunista - Comissão de Utentes dos Transportes Públicos, lá organizou um "buzinão" sobre qualquer coisa nos transportes , na mobilidade entre as margens e nas portagens da Ponte , para ter lugar na agenda noticiosa do dia ( aqui o video ) , numa colagem mediática ao inicio da cobragem de portagens das SCUT no norte.

Curiosamente não vi a senhora falar da situação de paragem iminente do Metro Sul do Tejo e das opções tomadas pela autarquia e concessionária para uma rede com pouco sentido e entrosamento , quer nas zonas onde realmente as pessoas vivem , quer na sua complementariedade com outros meios de transporte e que conduziu ao fiasco financeiro do projecto, agora em risco de parar.

Também não vi a senhora protestar sobre a mais que sancionada pelo PCP , CRIPS-IC32 , "a SCUT da Península de Setúbal" em vias de começar a ser construída entre o Funchalinho e Coina e que será, com a conivência do PCP Almada e PCP Seixal ... PORTAJADA !


Também não falou que na Margem Sul, os engarrafamentos são diários e brutais e não só na A2, mas em quase todas as vias principais , em consequência do "desenvolvimento" imprimido pelas autarquias PCP casuisticamente pela península de Setúbal criando verdadeiras cidades como Santa Marta do Pinhal ou novas urbanizações de luxo baseadas não no uso de transportes públicos mas sim no uso exclusivo do automóvel.

Paradigma continua a ser o tratamento noticioso destas iniciativas do PCP, até o "capitalista" Jornal Económico decretava no dia anterior que "Buzinão paralisa Ponte 25 de Abril na quinta-feira" .

É que nada disto é sério e tem sequer sustentabilidade económica e ambiental. A solução continua a ser para o PCP continuar a empenhar o país e as próximas gerações e ... construír mais pontes -
"Luísa Ramos adiantou que na perspectiva da CUTMS "era muito importante que a terceira ponte sobre o Tejo avançasse para permitir aliviar o trânsito na ponte 25 de Abril". - claro, é que é preciso urbanizar a ex-Lisnave, a ex.Siderurgia e a ex. Quimiparque...e tudo o que restar de verde e floresta na Margem Sul !

Os Portugueses vão nisto ?
E Já agora, porque não fizeram também um buzinão na Ponte Vasco da Gama , em Alcochete ? A portagem até é mais cara !!!

Buzinar não basta Camarada Luisa.

quinta-feira, outubro 14, 2010

A-SUL ATACADO


Há muito que não nos debruçamos sobre a blogoesfera em geral e sobre o a-sul em particular, agora que parece que a "coisa" acalmou parece ser útil clarificar certos pontos e dar algumas respostas a questões deixadas nos comentários.

O que hoje aqui vamos analisar são os ataques a que o a-sul tem estado exposto deste uns meses a esta parte e que, são a demonstração de que o que aqui é escrito, tem, não só impacto , como também fundamento.

Se assim não fosse , não estaríamos sob o fogo cerrado das forças que nos pretendem a todo o custo ameaçar e calar.

Os muitos que diáriamente seguem este blogue sabem do que falo, com um destaque em particular para aqueles que dão o seu contributo com a sua participação , comentários e inúmeros e-mails que nos têm permitido fazer um vasto arquivo documental e um retrato "desta época", região e dos interesses que a regem .

Como todos sabem, desde o início de Julho , altura em que publicámos um post que parece não ter caído bem junto de algumas entidades, que temos sido brindados com um ataque directo e do mais baixo nível à caixa de comentários .

Mais recentemente foi até criado um blogue, ( O Anti A-Sul , na imagem ) entretanto "descontinuado" ou "só para convidados" como se vê na imagem , com o único objectivo de atacar o a-sul, e os temas aqui analisados com a seguinte carta de intenções:

«
ESTE BLOGUE É UM GOZO COM UM OUTRO BLOGUE.
O MESMO NÃO VISA QUALQUER ACÇÃO TERRORISTA CONTRA NINGUÉM.
AINDA O SEU PROPÓSITO E OBJECTIVO É O DE DIVERTIR QUEM O LÊ E ANTAGONIZAR O BLOGUE A-SUL ENQUANTO BLOGUE DE INTENÇÕES OFENSIVAMENTE CALUNIOSAS DE PESSOAS DE BEM, SEJAM ESTAS OFICIALMENTE REPRESENTATIVAS DAS INSTITUIÇÕES AUTÁRQUICAS DA MARGEM SUL, SEJAM PESSOAS QUE CONSTITUEM A MAIORIA DA POPULAÇÃO DA MARGEM SUL DO TEJO.
NO CASO DE SE VER OU JULGAR RETRATADO NAS RÁBULAS QUE SÃO OS POST DESTE BLOGUE, USE A SUA OPÇÃO DE NÃO CÁ VOLTAR. »

Como se isso não chegasse apareceu na caixa de comentários do a-sul um auto denominado também « Anti A-Sul » com comentários do tipo «
ÉS UM PULHA ASQUEROSO DO PIOR, CHEIRAS MAL DA BOCA E MENTES COM TODOS OS DENTES QUE UM DIA VOU PARTIR.» que veio acompanhar outros comentadores "residentes" com a mesma tendência como sejam o « Pink Bird» , o « Leal Neto» , « João Afonso » , « Sensei » e « JSTeixeira» .

Desde o inicio do a-sul, decidiu-se que a caixa de comentários deste blogue seria aberta, unicamente com a exclusão de comentários vexatórios e de baixo nível relativamente a terceiros dentro dos limites permitidos por uma actividade de cidadania desenvolvida com prejuizo das horas livres dos seus autores , comentadores e muitos colaboradores anónimos ou não.

No entanto, temos aguentado e tolerado com algum fair-play ( e mesmo mais que tolerância ) os comentários aqui deixados , abaixo de quaisquer limites de comunicação humana civilizada e inteligência. Lamentamos que os restantes comentadores - alguns que justamente já se queixaram - tenham sido expostos a esses mesmos comentários, mas optámos por não esconder o baixo nível daqueles que a todo o custo nos gostariam de calar.


Ainda mais recentemente a contra-informação começou a criar comentários no a-sul, com assinatura « linkada » a vários blogues, imitando entre eles , inclusivé o próprio autor do a-sul , tentando que os mesmos comentários se confundissem com o a-sul ou alegadamente com terceiros, estabelecendo a confusão. Também no blogue do
e na caixa de comentários (não abertos) do senhor J.S. Teixeira apareceram comentários falsos "assinados" pelo autor do a-sul supostamente comentando terceiras pessoas caricaturadas pelo blogue O Flamingo e o mesmo no blogue Sensei.

Toda esta situação é demonstrativa de que há quem, no Portugal democrático, alimente ainda , quer ameaças, quer pressões, quer uma verdadeira máquina de contra-informação contra um blogue que se limita a promover a discussão , a informação e a cidadania sobre questões ambientais ( no seu sentido e alcance mais lato ) e de gestão e ordenamento do território.

Comprovando que se trata de mero terrorismo verbal e contra-informação vemos que aqueles "comentários" nunca visam as questões debatidas, nunca pretendem dar o contraditório ou apresentar uma outra visão, mas antes se afastam de forma diametralmente oposta destas, tentando implodir a própria troca de ideias .

Demonstra também haver quem pretenda definir temas tabu ... e limitar a opinião da sociedade civil mostra também que o rastilho é curto , que a bagagem desta gente é limitada e que o seu fôlego é nulo , apesar dos apoios institucionais que terão, considerando os IP's que utilizam e os horários em que o fazem .

Para finalizar só me ocorre uma expressão actual : - « Temos pena » ...

quarta-feira, outubro 13, 2010

ESPÉCTÀAACULO


Foi noticia na passada Quinta-feira que os resultados financeiros do Metro Sul do Tejo são decepcionantes e que o metro está mesmo em risco de parar.

Isto porquê ? Porque a procura continua a não corresponder às expectativas, porque alegadamente o Estado tem uma dívida de sete milhões de euros (já vamos ver porquê) e também porque há muitos utentes que , alegadamente também , contornam o sistema e não pagarão bilhete.

Patético não é ? Construíram a linha erradamente num eixo que não era o mais indicado, o metro não penetra nas zonas mais habitadas , não há o entrosamento necessário com outros meios de transporte, com ciclovias ou com estacionamentos .

Tudo isto somado dá na pouca procura da qual resultam os maus resultados ... que vemos agora, estavam devidamente salvaguardados contratualmente pelo Estado (os tais sete milhões de indemnizações compensatórias) daí a pouca preocupação de concessionária e autarquias sobre a opinião da população nos multiplos foruns de discussão encenados.

Em tempo de vacas gordas ficou definido com o Estado que ,com os nossos impostos cobririam as más decisões ... e a má gestão.

Mas agora surge nova desculpa, a de que 20% dos utentes ( de onde vêm estes números ? ) contornam o sistema de bilhética estudado e instalado pela empresa ... que pelos vistos não funciona ... e como não funciona esse é mais um motivo de queixa por parte da concessionária que como é óbvio parece querer inscrever mais esse buraco nas tais compensações devidas pelo Estado...

Ele há negócios que são mesmo um ESPÉEETÁAACULO !

terça-feira, outubro 12, 2010

FINAL DE FESTA 2



E aí está a imagem perfeita do desperdicio, para cumprir o calendário orçamentado e pré estabelecido ... interessa lá o desemprego , as consequências da crise económica mundial , das medidas de redução de salários e de pensões.

O que interessa é que o foguetório continue , que a fe
stança siga , que se continuem a gastar milhares de euros em bolo-rei , centenas de milhar em tapetes e mais de 400 mil euros só num mês de rendas ao grupo A.Silva & Silva para mostrarem gabinetes cheios de luxos e anfiteatros onde podem fazer belas e confortáveis conferências de imprensa e reuniões com a malta do Comité Central.Mas uma das iniciativas anuais mais incompreensíveis é a que se verificou este fim-de-semana. Não se gasta uma gota de tinta em conservar património histórico do municipio, mas ANUALMENTE o muro da MUNDET é pintado duas vezes por ano:
- Primeiro com tinta branca para tapar os graffiti do ano anterior.
- Depois com tinta em spray para promover "uma arte"
mas que tem o prazo de um ano como limite de vida.

É que para o ano tudo se repetirá!
Isto compreende-se ? É que por alto, nesta brincadeira gastam-se mais de 10 MIL EUROS !

Isto quando se deixa caír , sem uma pinga de pintura , património histórico municipal como é a Quinta da Trindade ?

ACHAM BEM ?
_________________________________________________

O PCP CRITICA NOBEL DA PAZ 2010- SEM COMENTÀRIOS
«O PCP considera a atribuição do Nobel da Paz 2010 ao dissidente chinês Liu Xiaobo como mais um golpe na credibilidade do galardão. Os comunistas emitiram um comunicado em que afirmam que a escolha de Xiaobo é inseparável das pressões
económicas e políticas dos Estados Unidos sobre a China»
-----------------------------------------------------------------------------------------------------

MAS ISTO JÁ O PCP DEVE ELOGIAR :

«Liu Xia, a mulher do dissidente chinês galardoado com o Nobel da Paz na passada sexta-feira, está em prisão domiciliária em Pequim e foi proibida de falar com amigos e com os media.»

segunda-feira, outubro 11, 2010

FINAL DE FESTA


É escandaloso, é inaceitável, é até CRIMINOSO que, determinados eleitos locais , perante o cenário de profunda crise económica e social - com redução de salários , aumento de impostos e o que mais aí virá - continuem a actuar como a banda do Titanic enquanto o navio se afunda ...

O que é ainda mais escandaloso é que são estes portadores de comportamentos de esbanjamento , de abandono e de mau uso do bem público e que nos arrastaram para o abismo , os mesmos que insistem em se auto desculpabilizar e continuar com as mesmas atitudes.

Como se de nada se passasse , as autarquias que nos rodeiam na margem sul do Tejo, continuam na mesma agenda municipal de "festa" contínua e ininterrupta , o que quer dizer que continuam a ser os mesmos a pagar para serem os mesmos a gastar ... e que têm ainda por cima , enquanto "comunistas" , o descaramento de fingir que estão do "outro lado" , o que é ainda por cima imoral... Ou melhor, estes senhores andam CRIMINOSAMENTE a gozar connosco e com o mau uso que fazem do bem público.

Vejamos ; Em Almada depois da "semana da mobilidade " ... a "semana da música" , no Seixal , depois do "Avante" ... e da "Seixalíada" ... é agora o "Seixal Graffiti" que decorreu este fim-de-semana ... uma iniciativa que no ano passado esteve orçada em seis mil euros para pintar e repintar sempre o mesmo muro fomentando uma degradante forma de imposição e apropriação do espaço público.

Lá decorreu, com o respectivo subsídio e empenho da autarquia e com os mesmos gastos em sprays e repintura (mais uma vez ) do mesmo muro , lá se montou o circo para meia dúzia de "jovens criativos" se exprimirem e até se envolverem à pancadaria.

Isto enquanto, à excepção dos "nómadas" que nunca estiveram melhor em atenções subsidiadas, no Seixal e arredores se passa fome e só por vergonha se escondem muitas carências.

Pergunto :

- E não se pode PARAR esta gente ?

- E não se pode CRIMINALIZAR esta gente ?

domingo, outubro 10, 2010

UM DIA PELO CLIMA


«Uma centena de iniciativas em Portugal junta-se este domingo a uma mobilização cívica mundial em prol de soluções concretas para combater as alterações climáticas.

Ao todo, estão previstas cerca de sete mil acções em 188 países, no âmbito da campanha internacional 350.org. O objectivo é mobilizar o máximo número de pessoas, em acções simples, como andar de bicicleta, plantar uma árvore ou fazer um piquenique ecológico.


“Este domingo, as pessoas que já estão a fazer pequenas coisas na sua comunidade vão juntar-se e mostrar aos políticos as soluções que encontraram”, explicou ao PÚBLICO Evandro Oliveira, assessor do 350.org para a Europa.

Em Portugal estão marcadas mais de cem iniciativas, de Faro a Braga, um número que surpreendeu o responsável. “Para um país pequeno como Portugal, é um número importante”, afirma Oliveira.

A associação ambientalista Quercus vai plantar 350 azinheiras numa antiga lixeira em Beja. Em Lisboa, a associação vai desenhar o número 350 com bicicletas, junto ao Padrão dos Descobrimentos. “A bicicleta é um dos principais símbolos da mobilidade sustentável e um dos passos para um futuro com menos emissões poluentes”, explica Sara Campos, responsável pela iniciativa na Quercus. “Queremos passar a mensagem de que a sociedade civil reconhece o problema das alterações climáticas”, acrescentou.

Segundo Evandro Oliveira, mais de 90 por cento das iniciativas em Portugal e no mundo serão da responsabilidade de cidadãos anónimos. “Este dia terá um significado político, dado que será um sinal claro que a sociedade civil está motivada, especialmente depois da desilusão que foi a cimeira de Copenhaga”, comentou, referindo-se à última conferência climática das Nações Unidas, em Dezembro passado na Dinamarca.

Sandra Costa não ficou “muito contente com o resultado de Copenhaga”

Sandra Costa, de Famalicão, decidiu participar porque se diz “preocupada com o Ambiente” e porque não ficou “muito contente com o resultado de Copenhaga”, justificou ao PÚBLICO. Juntamente com mais 12 amigos – vindos de Famalicão, Valongo, Trofa e Castelo da Maia -, Sandra organizou desde o final de Agosto uma “caminhada pelo clima” e uma feira de empresas ecológicas locais. “Foi mais fácil do que imaginava à partida porque tivemos vários apoios, como o da autarquia, mas principalmente por causa da vontade de ajudar”. No âmbito da caminhada de cinco quilómetros serão distribuídas 450 t-shirts com frases estampadas que dão conselhos ambientais. “Queime calorias e não petróleo”, “Tome duches rápidos” e “Recicle” são algumas das frases escolhidas para “ajudar as pessoas no seu dia-a-dia”, explicou.

Na Figueira da Foz, um grupo de cidadãos vai realizar uma acção de limpeza no jardim das Abadias e em Angra do Heroísmo será organizado um jantar com uma baixa pegada ecológica. E o grupo Glocal Faro convida os cidadãos a ajudarem a criar uma horta urbana.

A nível mundial, a convocatória para o evento 10:10:10 (10 de Outubro de 2010) é para uma “festa mundial de trabalho” ou para “um dia mundial de fazer algo”. A iniciativa cruza-se com a campanha 10:10, que decorre em vários países, incluindo Portugal, e que convida os cidadãos a reduzirem dez por cento das emissões de CO2 associadas ao seu comportamento.

Há várias acções planeadas no âmbito da campanha 10:10, a nível internacional. Dez mil escolas vão plantar árvores em 24 países europeus. No Japão, conhecidos lutadores de sumo irão de bicicleta para os treinos. Um hospital no Reino Unido vai servir refeições com baixa pegada carbónica aos pacientes. No Bangladesh, o primeiro-ministro fará um discurso a convocar mais adeptos para a campanha.

Mas não há nada especificamente planeado pela organização do 10:10 em Portugal, segundo um dos seus coordenadores, João Barreto. A campanha congratula-se, porém, com avanços importantes, como a decisão do Sporting em assumir o compromisso dos dez por cento e o facto de se ter chegado ao simbólico número de 1010 aderentes. “Esperamos que domingo seja um dia recorde em novas inscrições”, afirma João Barreto.

A campanha 350.org foi lançada em 2007 pelo ambientalista e escritor norte-americano Bill McKibben. O seu objectivo é reduzir a concentração de CO2 na atmosfera para 350 partes por milhão, limite que alguns cientistas consideram necessário para conter o aumento da temperatura média global abaixo dos 2ºC até ao final do século. Hoje, a concentração de CO2 está em próxima das 390 partes por milhão.

Cinco conselhos:

João Barreto, da campanha 10:10 em Portugal, sugere cinco acções fáceis para quem quiser juntar-se à mobilização mundial no domingo:

1. Preparar um almoço sustentável, com menos carne, mais produtos locais, sem muitas embalagens

2. Fazer um passeio a pé ou de bicicleta, deixando o carro em casa

3. Tirar meia-hora para fazer, com toda a família, uma auditoria à casa, de modo a identificar desperdícios de energia

4. Aderir formalmente ao evento, através do site www.350.org

5. Ponderar o desafio de reduzir em dez por cento, num ano, as emissões de CO2 relativas ao comportamento individual» (Ricardo Garcia Publico)




sábado, outubro 09, 2010

ECO - DADOS



1 500 000

Foram os hectares de terras cultivadas abandonados nos últimos 40 anos em Portugal .

Em 1968 a área cultivada era de 4,97 milhões de hectares e em 2007 desceu para 3,47 milhões de hectares. (fonte INE, Pordata ).

sexta-feira, outubro 08, 2010

LINHA DE MUITO ALTA TENSÃO NO SEIXAL


Apesar de ter tido a sua construção suspensa pelo Tribunal, a construção da Linha de Muito Alta Tensão entre Fernão Ferro e a Trafaria foi retomada, com a presente instalação de postes na Varzea do Rio Judeu na Flôr da Mata, com particular actividade neste feriado do Cinco de Outubro.

« A decisão do tribunal, no âmbito de uma segunda acção cautelar interposta pela Câmara do Seixal e Juntas de Freguesia do Concelho, em 19 de Agosto, contra a REN - Redes Energéticas Nacionais e Ministério da Economia e da Inovação, ordena a suspensão da instalação da Linha de Muito Alta Tensão entre Fernão Ferro e a Trafaria.»


No entanto apesar das posições da Câmara de Almada, e sua argumentação a Câmara do Seixal parece não ter a mesma posição sobre o mesmo projecto , recordo-me até de um alto responsãvel desta autarquia referir que era um problema que não se punha no Seixal.

No entanto aí está a linha real a ser instalada no Seixal ... ou será uma miragem ?

quinta-feira, outubro 07, 2010

3ª TRAVESSIA AFINAL HÁ ALTERNATIVA


Afinal, à medida que a crise e dificuldade de financiamento aumentam, começam a aparecer novas e mais baratas soluções em relação a projectos que se consideravam inevitáveis e insubstituíveis.

O Ultimo prende-se com a "nado-morta" 3ª travessia do Tejo Chelas-Barreiro.


Afinal há uma alternativa menos danosa ambiental e paisagisticamente e, muito importante , por menos de um quarto do preço.
Segundo o Publico em artigo de Carlos Cipriano:

«A ideia é muito simples: da gare do Oriente ao futuro aeroporto de Alcochete é mais barato seguir para norte pelo corredor da actual linha férrea até Alhandra e atravessar aí o rio, continuando-se depois pelo perímetro da Reserva natural do Estuário do Tejo até á aerogare.


São 50 quilómetros enquanto o traçado pelo governo, através da terceira travessia sobrte o Tejo (TTT) , Barreiro e Poceirão, é de 55 quilómetros. Pelo lado norte , a linha de alta velocidade custa à volta de 450 milhões de euros; pelo lado sul são 2000 milhões de euros .»

Este é um estudo independente liderado por António Mourão , um ex Comandante da Marinha Mercante em conjunto com um economista e um engenheiro civil. Quando questionado pela razão o Governo insiste no anterior projecto , é contundente:

« Porque interessa a todos os partidos: ao PSD porque tem o Ferreira do Amaral na Lusoponte e quaisquer pontes que se façam a jusante da Vasco da Gama resultam em ganhos para esta empresa ; ao PS porque assim dá empreitadas à Mota Engil e a outras empresas do regime; e aos partidos de esquerda porque os terrenos no Barreiro e na margem sul vão valorizar-se imenso»


É caso para dizer : Se não é verdade , encaixa na perfeição ...

quarta-feira, outubro 06, 2010

DESASTRES A METRO 3



Mais uma vez se comprova que na margem sul é sempre mais fácil fazer uma palhaçada propagandística , e não passar daí , contratando uma agência de publicidade, do que tomar medidas reais de educação e prevenção, ao mesmo tempo que sejam tomadas opções fisicas que protejam pessoas e bens, bem como colocada sinalização avisadora .


Nada disto foi feito , o que se mantém é a ideia de que "o metro tem prioridade" e pronto, quer a empresa, quer os municípios , lavam as mãos das posteriores consequências, atribuídas claro está às
próprias vítimas... numa espécie de selecção natural ...


E não esperemos que os
"movimentos de utentes" criad
os pelo próprio Partido Comunista e liderados por destacados militantes do partido e com cargos nos municípios protestem contra este estado de coisas, aliás a sua criação tem como único objectivo controlar , orientar e se necessário abafar, qualquer protesto espontâneo que surja da população.


Já agora, onde estão e que correcções foram feitas nas "260 anomalias detectadas" pela Câmara do Seixal e que levou a autarquia a "não aceitar" a obra na data marcada para a sua inauguração ? É que não damos que algo tenha sido alterado, ou sequer melhorado desde que o metro entrou em funcionamento , nomeadamente a então mencionada "articulação com os outros meios de transporte" o "parqueamento" ... assim se demonstra que se tratou unicamente de agitação caracteristica e inconsequente por parte do PCP na altura da inauguração e não de algo sério.

- E VIVA ESTA REPÚBLICA PODRE E FAZ-DE-CONTA EM QUE VIVEMOS !

terça-feira, outubro 05, 2010

DESASTRES A METRO 2


Voltando ao tratamento da imagem do Metro Sul do Tejo:

O projecto foi erróneamente tratado por todos os responsáveis EMPRESA/AUTARQUIAS como uma espécie de mobiliário urbano inócuo e 100% USER FRIENDLY .

Nada mais perigoso e errado. O Metro não é um brinquedo urbano, é um comboio que circula por vezes a velocidades assinaláveis numa via urbana partilhada por pessoas e outros veículos.

O Metro foi um projecto que alterou de um dia para o outro o perfil de vias com décadas de utilização , com outras caracteristicas às quais a população se habituou durante décadas , sem alertar essa mesma população para os novos perigos , aliás fizeram crer que não havia perigo algum, e que era sómente necessário "interiorizar" que o Metro tinha prioridade sobre os demais.

Tudo isto sem considerar os idosos, as pessoas de mobilidade reduzida, os cegos, os surdos, tudo isto sem alertar que o novo veículo desloca toneladas e que não pode parar, até pela sua velocidade, num curto espaço passível de evitar atropelamentos e outros acidentes.

Ora, três anos depois, o erro persiste!

A nova campanha destaca novamente e ùnicamente o carácter da circulação prioritária das composições face a todos os outros, associada à nova e patética imagem de um "smile" desenhada na frente das composições como se de um brinquedo se tratasse , continuando a tratar um assunto sério que já provocou várias vitimas mortais como se de uma mera campanha infantil de imagem se tratasse:

- E ISSO É CRIMINOSO. TRATA-NOS COMO ATRASADOS MENTAIS, NÃO RESOLVE OS ERROS!

E VIVA ESTA REPÚBLICA EM QUE NINGUÉM É RESPONSABILIZADO !

segunda-feira, outubro 04, 2010

DESASTRES A METRO 1



A gestão comunicacional do Metro Sul do Tejo foi desde a fase de construção da linha ... abaixo de zero.

O Metro foi durante os anos - além do necessário - sendo construído ao sabor dos ritmo e dos entraves impostos pela troupe da Dona Emilia e à revelia e contra os desejos da população no que toca à escolha do percurso.

O Metro Sul do Tejo foi basicamente construído , não digo contra a população, mas fundamentalmente a favor de uma imagem que facilmente fosse propagandísticamente fácil de oferecer.


Optou-se pela visibilidade em detrimento da funcionalidade, escolheu-se propaganda quando se devia ter escolhido utilidade, e o resultado aí está. ABAIXO DAS EXPECTATIVAS DE UTILIZAÇÃO e ACIMA NO NÚMERO DE VÍTIMAS QUE O METRO TEM FEITO quer directamente em acidentes com as composições, quer indirectamente pelas soluções urbanas encontradas para conseguir meter o metro em vias onde só circulavam veículos e pessoas.

Uma das consequências deste estado de coisas, dos atrasos impostos sobretudo pela câmara de Almada, e das opções de traçado escolhidas que encareceram a obra e limitaram a oferta - o MST não passa nas zonas mais habitadas, mas nas mais visíveis para a fotografia - é que está remetido para as calendas gregas qualquer ampliação futura da rede ... o que é caricato pois bastava a construção de um ou dois quilómetros de via , até á Cruz de Pau por exemplo, para o número de passageiros disparar... mas optou-se antes pelo troço da Universidade, porque era bonito ver o Metro atravessar a A2 com os visitantes e residentes a olhar embasbacados enquanto engarrafados nos seus veículos para a obra do regime!!!

INCOMPETENTES !
________________________________________________

ÚLTIMA HORA - TIRIRICA ELEITO



PALHAÇOS DA POLITICA , ASSUMAM-SE PÔXA !

sexta-feira, outubro 01, 2010

ALMADA E A MENTIRA DAS CICLOVIAS



Ando há mais de uma semana à procura das centenas e centenas de vias cicláveis que a Câmara de Almada voltou a dizer que existiam durante a "semana da mobilidade".


Procuro, procuro e não encontro essa maravilha propalada nas televisões, na imprensa ...

A crer no cartaz promocional, comemoram-se 10 ANOS, sim DEZ ANOS sobre as comemorações do "Dia Europeu Sem Carros" ..é isso ???


E Então porque é que passados dez anos ainda não posso passar sem o carro ?

Porque é que não há alternativas integradas para deslocações em Almada em que se possa prescindir do automóvel ? ... por exemplo ír ao Almada Forum ?

- ONDE ESTÃO ESSAS CICLOVIAS , PORRA ! ?