quinta-feira, abril 17, 2008

DESPERDICIO DO ERÁRIO PUBLICO






















Foram divulgadas nas últimas semanas alguns or
çamentos de municípios da Margem Sul , sobre o orçamento da Câmara Municipal do Seixal o blogue Rumo a Bombordo , tem vindo a publicar algumas rubricas cujos valores são no minímo curiosos, sobretudo para um país em contenção orçamental e numa altura de quase recessão em termos nacionais e internacinais.

Passo a citar esses valores aos quais acrescento a vermelho, alguns comentários que considero legítimos:

___________________________________________

Verbas avulsas (em euros) das Grandes Opções do Plano (GOP) da Câmara Municipal do Seixal:

- Coordenação Geral - Aquisição de Material Diverso: 745.152,00

- Serviços Postais: 546.883,00 (na época do e-mail e da internet, meio milhão de euros é obra)

Contrato de utilização da Quinta da Fidalga 01/2008 a 12/2008: 280.000,00
(Contrato de
utilização ? Utilização ? Então paga-se por utilizar uma propriedade própria , então a Quinta da Fidalga não é Património Municipal ? Então não comprou a empresa que era proprietária da Quinta ? Isto está mal explicado , não está ?)

Museu Cargaleiro: 150.000,00 em 2008 + 650.000,00 em 2009 = 800.000,00 (Então e o papel do mecenato já está aqui orçamentado? Qual a tranche do BES e do A.Silva & Silva ?)

Naútica de Recreio: 50.000,00 em 2008 + 250.000,00 em 2009 = 300.000,00 (350 mil euros para esta rubrica, mas como vai ser distribuída e aplicada esta verba espero que também no reconhecimento do verdadeiro serviço público que algumas colectividades prestam na vela e na
canoagem por exemplo)

Sinalética património e turismo 22.800,00 em 2008 + 62.000,00 em 2009 = 84.800,00 (MIL E SEISCENTOS CONTOS dos antigos em sinalética turistica ??? Isso inclui sinalética horizontal para a criação de ciclovias turisticas? É que não vislumbro tanto local turistico para tanta sinalética)

- XV Festa de Gastronomia do Seixal (01/2007 a 12/2008): 4.834,00 Festa de Gastronomia do Concelho do Seixal (01/2008 a 12/2008): 9.000,00

- Contratação de estudos e consultadoria no âmbito do desenvolvimento económico: 40.000,00 (Para que servem os técnicos da autarquia ? Não sabem fazer contas ? )

- Obras de requalificação da Assembleia Municipal 75.000,00 em 2008 + 50.000,00 em 2009 = 125.000,00

Produção materiais gráficos para campanhas institucionais (ex: 25 de Abril/ Fest. de Verão): 45.000,00
( Continua a serem gastas fortunas em propaganda. Questão este valor iclui o Seixal Jazz, a Gastronomia e o Grafitti ou estes têm ainda mais orçamento desta rubrica ? )


Aquisição de equipamento fotográfico digital: 11.300,00
(Francamente exagerado este valor , a menos que comprem
máquinas topo de gama banhadas a ouro)

9º Festival de Jazz Internacional de Jazz 150.000,00 em 2008 + 150.000,00 em 2009 = 300.000,00
(um regresso...em ano de eleições... curioso!!!)


Espectáculo comemorativo do 34º aniversário do 25 de Abril: 85.000,00


Seixal Graffiti 2008: 6.000,00

(Não se gasta um tostão a limpar património destruído por esta forma de vandalismo , muito dele propriedade de idosos sem recursos... mas gasta-se 6 mil euros a promover o que consideram de ¨arte¨...)

Aquisição de bens e serviços - Prémios Rádio Baía/CMS: 40.000,00 (então a Rádio Baía e seus patrocinios nã
o tem dinheiro para os prémios que atribuí? )

Material para a rede de águas: 938.723,00
(Espera-se que os alertas do Eng.Marquês estejam a ser seguidos no sentido deste valor não ser desperdicio...)


Contratos de manutenção BMW: 5.000,00


(Mil contos para MANUTENCÃO de um BÊ-ÉMI não é um luxo ??? Não pode o senhor Alfredo ter uma viatura menos gastadora ao erário público ? Comunismo Caviar... nitidamente)


Aquisição de viaturas (não pesadas): 299.127,00 em 2008 + 300.000,00 em 2009 = 599.127,00
(Continua a compra de viaturas ...não pesadas...assim se fomenta o transporte público... )

Estação de Lavagem de viaturas: 50.000,00 em 2008 + 100.000,00 em 2009 = 150.000,00

Um belo ramalhete de desperdicio sim senhor !!!

Mas há mais !!! E quanto é que custa o Boletim Municipal ?:

Boletim Municipal 2007

Impressão: 262.477,00 euros
Distribuição: 77.864,00 euros
Total: 340.341,00 euros


Boletim Municipal 2008

Impressão 27 edições: 189.000,00 euros

Distribuição 22 edições: 80.000,00 euros

Total: 269.000,00 euros


A estes valores deve acrescentar-se ainda o custo dos recursos humanos afectos ao Boletim Municipal, pelo que é seguro afirmar, que a edição do Boletim Municipal do Seixal custa à Câmara Municipal pelo menos
50.000 Euros mês!

É escandaloso demais!!! É Desperdicio a mais !
_____________________________________________________

DESTAQUE

Para posts sobre o mesmo tema publicados no Blogue da JSD Seixal .


9 comentários:

Filipe de Arede Nunes disse...

Confesso que acho este tema fundamental.
E por o considerarmos fundamental, a JSD Seixal publicou no mês de Fevereiro diversos post's sobre esta temática.
Em destaque os seguintes:

http://juventudeseixal.blogspot.com/2008/02/boletim-municipal-do-seixal-propaganda.html

http://juventudeseixal.blogspot.com/2008/02/seixal-ausncia-de-poltica-de-juventude.html

http://juventudeseixal.blogspot.com/2008/02/turismo-no-seixal-investimento-qual.html

http://juventudeseixal.blogspot.com/2008/02/piscina-de-paio-pires-alucinao-ou.html

Naturalmente, a JSD Seixal quando publicou este post's não se limitou a lança-los para o ar, mas reflectiu sobre os mesmos e sobre as verbas gastas nas rubricas a que nos referimos.
Neste sentido, e face aos recentes post's do blog Rumo a Bombordo, tenho a dizer o seguinte: Been there, done that!
Seja como for, e apesar de estranhar a oportunidade do relançamento deste assunto, naturalmente que fico satisfeito com a publicitação neste local - devido à sua afluencia - deste números.
Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Ana disse...

Já comentei esta notícia no post de "Rumo a Bombordo" pelo que não vou repetir o que lá disse, no entanto quero aqui deixar mais algumas reflexões;
Primeiro acho que falta começar por definir quais os verdadeiros objectivos deste governo autarquico, o que pretende efectivamente para este concelho, à primeira vista parece que só e simplesmente a eternização do poder.
Há que fazer levantamente das necessidades do concelho e da sua população e a partir daí objectivar, traçar prioridades de acordo com com as disponibilidades existentes.
Enquanto a 1ª grande opção não passar pela qualidade de vida dos munícipes no seu todo e tão só de alguns, não vamos rigorosamente a lado nenhum, e vamos continuar a ter mais do mesmo.
Cumprimentos

ex-militante disse...

Estes kamaradas querem é fazer de conta que são ricos, e imitam os ricos, os tiques são os mesmos de 75 quando ocuparam herdades. Agora só diferem nas migalhas que vão distribuindo enquanto comem o BOLO.
Como já aqui disseram agora de inimigos da classe são agora amigos com classe. têm lá os tiques todos , o BMW...

ermelinda militante PCP disse...

A soma destas rúbricas dá quase cinco milhões e meio de euros, sem contar com o Boletim, em Mora fizeram o fluviário que custou SEIS MILHÕES , ou seja , só mais 500.000 euros.
A CM Mora investiu no ambiente,e num equipamento de qualidade que é referência Mundial.
Aqui esbanja-se dinheiro em carros festas e foguetes. Estes senhores têm que dar contas ao povo.

Anónimo disse...

Parabéns!
É preciso continuar a trabalhar!
Os deputados municipais devem pedir as execuções dos anos anteriores. Quanto se gastou em educação?
e nas festas?
porque se estes valores se souberem cá fora, o poder terá tendencia, pelo menos a coibir-se.

Paulo Edson Cunha disse...

Boa Noite, venha comentar aqui
http://pauloedsonc.blogspot.com/2008/04/ltima-hora-lus-filipe-menezes-demitiu.html
no verdadeiro reduto laranja, a última "bomba da política nacional.
"A Revolta das Laranjas"

mariodasilva disse...

Por causa do TGV (ouvido na televisão no telejornal já não me lembra em que canal):

- Alterações à Estação do Oriente para enfiar lá mais a linha do TGV = € 80.000.000,00 (OITENTA MILHÕES DE EUROS), mais ou menos;

- Projecto de alterações encomendado ao Exmo Sr Arq Calatrava = € 6.000.000,00 (SEIS MILHÕES DE EUROS), mais coisa menos coisa.

SERÁ QUE PRECISAMOS MESMO DA MERDA DO TGV NA ESTAÇÃO DO ORIENTE?

SERÁ QUE O TGV NÃO DEVE ACABAR NO AEROPORTO E VIR UM COMBOIO NORMAL EM LINHA PRÓPRIA E VULGAR DO AEROPORTO ATÉ LISBOA E POUPAR-SE NA PONTE E NA ESTAÇÃO DE LISBOA?

SERÁ QUE ESTA MERDA DE PAÍS NÃO TEM MAIS ONDE GASTAR O DINHEIRO?

Como é que os "comunas" da Margem Sul acham bem gastar-se esta fortuna toda que nos vai encalacrar a todos por décadas e se tenham já esquecido dos hospitais, das interligações entre os concelhos e das ETARs, que por inexistirem de facto nos fazem continuar a deitar a merda toda para o rio quase sem tratamento!

Chiça para esta bosta toda!

Anónimo disse...

Debate Portugal em Directo da Antena 1: Marina na baía do Seixal está em fase de estudo

http://ww1.rtp.pt/wportal/informacao/noticias_audio/index.php?noticia=5215

mariodasilva disse...

A lêr "O CEO não pode esperar", no Citadino

Será que ninguém se questiona com tudo isto? A malta do orgão oficioso do PCP de certeza que não!