sábado, maio 13, 2006

A "MÁ FÉ" DA CÂMARA DO SEIXAL













Hoje íamos-nos congratular pelo chumbo do ICN do Plano de Pormenor para a Mata de Sesimbra, tema a que voltaremos nos próximos dias, sobrepõe-se no entanto outro Plano de Pormenor cuja discussão é de momento mais urgente e se situa curiosamente na mesma região, na mesma estrada, e também numa floresta protegida, trata-se do Plano de Pormenor da Flôr da Mata em Pinhal dos Frades, entre a zona urbanizada e a estrada de Sesimbra EN 378.

Fazêmo-lo pelo apelo que nos é dirigido pela população de Pinhal dos Frades (clique) , pela defesa do ambiente e da qualidade de vida daquela população, mas e sobretudo pela MÁ FÉ! com que a Câmara do Seixal tem gerido todo este processo.

- Má Fé da Câmara do Seixal-Em primeiro lugar porque em 2000, foi preciso a População depara-se por acaso com as intenções da autarquia em alterar uma zona protegida ONDE DESDE 1991 NÃO É POSSIVEL CONSTRUIR! Senão não teriam dado que o PDM ía ser desvirtuado e no seu entender "violado". (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em segundo lugar , porque cofrontados com as dúvidas da população, primeiro negaram as intenções, depois e só após pressão e manifestação de desagrado da população, lá resolveram apresentar um projecto á população. (Clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal -Em terceiro lugar, quando a população realizou que a zona de Pinhal ía perder as caracteristicas naturais para ser betonizada sob a capa de ser preciso nela implantar em completa guetização um Bairro Social para realojar a população que no pós 25 de Abril ocupou ilegalmente os prédios de Vale de Xixaros , alegaram hipócritamente os responssáveis da autarquia que "aquilo não ía ser feito junto a ninguém" nada mais falso, nada mais revelador da ausência de preocupação de integração daquela população guetizada para o meio de um Pinhal, ainda por cima contra a vontade da população local. (Clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em quarto lugar porque depois de tentarem investigar o processo, os cidadãos terem descoberto que havia pelo menos dois!! projectos em apreciação junto das autoridades competentes e que para além disso omitiam informação que desvirtuava qualquer decisão. (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal- Em quinto lugar quando a população se agrupou em movimento cívico e a autarquia tentou de todas as formas colar a este movimento uma natureza partidária, xenófoba, financeira e ter desvalorizado um abaixo assinado reunido dentro da sua comunidade com 4000 assinaturas, ter o presidente de Câmara de então e actual "fugido" da Câmara na altura em que a população lhe ía entregar o abaixo-assinado. Isto quando os politicos e as instituições nacionais e Europeias apelam à participação Cívica das populações na decisão sobre as suas comunidades. (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em sexto lugar porque depois de ver a força e natureza daquele Movimento Civico e de não o conseguir dominar, orientar ou aniquilar, apesar das infiltrações que lá colocou, fabricou elementos das "forças vivas" e dominadas pela autarquia e pelo Partido que a suporta de forma a fazer crer que outra era a vontade da população. (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em sétimo lugar pelas contradições sempre mostradas pelos senhores autarcas Alfredo Monteiro, Cardoso da Silva e Jorge Silva nas entrevistas (O DVD que me fizeram chegar é hilariante se não fosse um caso tão sério) publicadas na imprensa. (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em oitavo lugar pelas contadições do processo, pelas NEGOCIATAS ENVOLVIDAS , pela concessão de privilégio a quem vai urbanizar, por essas transações revelarem timings e oportunidades duvidosas e por inclusivamente incluirem transações com sociedades off-shore ... (clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em nono lugar porque se comprometeu a antes de avançar com qualquer passo ou se se desse novo desenvolvimento num caso entretanto adormecido, a informar a população .(Clique)

- Má Fé da Câmara do Seixal - Em décimo lugar porque não usa os meios ao seu dispôr para informar a população (porque não está este projecto apresentado em Boletim Municipal?) , mas sim para a enganar, a decisão o avançar do projecto que mais tinta fez correr no Seixal na ultima década ,era uma linha com meis dúzia de palavras no meio de uma página de "jornal", do Boletim melhor dizendo. (clique)

Há ou não há Má Fé da parte dos autarcas do Seixal?

- Por isso justifica-se a resposta ao apelo que nos fizeram de Pinhal dos Frades e damos à população, num verdadeiro serviço publico, a informação que os eleitos e os funcionários vos negam.

7 comentários:

carlos magalhães disse...

É vergonhoso estes "senhores" pôrem asim em causa desta forma o futuro. Os Bairros com 20 anos dete género estão a ser demolidos aqui no Porto pelo erro que foi a sua construção. Li que aí em baixo também Setubal não faz mais realojamentos, porquê essa teimosia no Seixal? Estive a consultar o JN e há dezenas de apartamentos à venda nessa área, porquê construir em zona protegida se não é necessário construir mais?

Anónimo disse...

Isto assim não vai lá, é o país do pato bravo a mandar em tudo o resto.

cidadao disse...

Convido todos a vir a Pinhal dos Frades fotografar, há cá uma àguia e não é a "Vitória", há raposas, cobras e lagartos, muitas aves, há cegonhas, também coelhos selvagens, fuinhas e salamandras... mas venham depressa esta é uma zona verde protegida no PDM do Seixal que a Câmara contra a população está a querer betonizar. www.pinhalfrades.blogspot.com

bolotavoadora disse...

Olá sou a bolotavoadora e luto pela construção de ciclovias na minha freguesia (entre outras coisas). Gostaria de contar com a tua ajuda. Seria possivel incluires o meu blog na tua lista de links? O teu blog já consta da minha lista de links. É essencial lutar por valores e eu luto de forma desinteressada. Obrigado.

Maria disse...

Bom trabalho amigo.
Continuo a não entender
estes autarcas "democratas", "amigos do povo", que lutam pelo desenvolvimento, qualidade de vida das populações e pela "obra feita". Nem quero acreditar que o que aqui está descrito seja verdade.
Construir um bairro "social", na mata,junto às bombas da BP, com saída para a estrada de Sesimbra? Isto é de loucos! Tão a brincar...
Há estudos ambientais, sociais e urbanisticos que fundamentem a construção deste gueto?
Ou isto é mesmo mais uma negociata?

Ai, que Deus nos acuda!

paraíso fiscal disse...

Muito bem desmontada esta teia nestes artigos, e a Policia Judiciária? Não deu em nasa a investigação?

paraíso fiscal disse...

Muito bem desmontada esta teia nestes artigos, e a Policia Judiciária? Não deu em nada a investigação?
O dossier foi ao longo dos ultimos seis anois posto sistemáticamente na base da pilha até que desapareceu?