sexta-feira, janeiro 06, 2006

SEIXAL - BETÃO SOBRE A BAÍA













Câmara do Seixal permite ao Grupo A.Silva & Silva Urbanizar sobre a Baía do Seixal.Terraplanagens são já visiveis e avançam a bom ritmo (imagem Google-earth).

Antes das eleições autárquicas, uma bandeira eleitoral que saltava à vista era o carissimo arranjo em passeio pedonal da zona Baía à entrada do Seixal (Clique aqui ), nessa altura relatámos a existência da clássica placa indicadora de obra, mas onde não constava o respectivo custo como é hábito.

Poucas semanas depois e em visita à FIL IMOBILIÀRIO tomámos conhecimento do Mega projecto engatilhado para aquela zona propriedade do grupo A.Silva & Silva (sim, é o mesmo que construiu para alugar à autarquia, sem concurso publico a mastodôntica nova sede para alojar - por aluguer- os serviços técnicos da Câmara) . Essa urbanização terá o nome de "Quinta" como é clássico nestes casos e "do Outeiro" ficando o empreendimento baptizado de Seixal Baía.

Já há muito que sabemos - embora o Povo do Seixal não saiba - que o amplo espaço existente e que ladeia o Forum Cultural até ao Rio e que muitos pensam ser espaço verde para a população (Quinta dos Franceses) está destinado a outra mega urbanização, que a somar a esta Seixal Baía - Quinta do Outeiro e aos 26 hectares do outro lado do Seixal - Quinta da Trindade/Benfica (clique aqui) formarão uma preocupante muralha de betão que descaracterizará por completo a silhueta do Seixal que conhecemos.

É uma manifesta subserviência da autarquia aos interesses imobiliàrios reinantes em deterimento do património histórico e natural, depois do ruinoso (?) negócio do aluguer das instalações técnicas da Câmara do Seixal que todo o relacionamento daquela autarquia com o grande grupo económico se parece um verdadeiro filme, para titulo, não fosse o plágio , chamar-lhe-ía "Favores em Cadeia"...

O titulo desse filme veio-me de novo à memória ontem ao ver Jerónimo de Sousa de visita a Luis Filipe Vieira e à sede do Benfica ... é que me lembrei da extemporânea visita mediàtica da Comitiva do Benfica ao Centro de Estágio do Seixal (clique aqui) em vésperas de eleições autárquicas, com grande envolvimento do candidato PCP , Alfredo Monteiro também ele de excelentes relações com o Presidente do Benfica...é que no Seixal fala-se à boca cheia que o negócio Euroàrea+Centro de Estágio+Urbanização da Quinta da Trindade+Vale e Azevedo + x + y+Z ...terá dado muito dinheiro a ganhar ...e só um bode expiatório...careca , por acaso...

16 comentários:

Anónimo disse...

Isto é uma vergonha nacional, senhor Jerónimo de Sousa sabe disto? Não põe esta gente na ordem ou o PCP tem também lucrado com estas negociatas? É esta país que defende enquanto candidato a presidente da República?

Machado da Silva disse...

Alguém tem duvidas que tudo isto é um grande cambalacho? O meu Benfica não é o do Vale e Azevedo nem o do PCP.Não a este aproveitamento politico que o PCP está a fazer do meu clube de sempre.

PONTO + ALTO disse...

Este PONTO VERDE anda obcecado com uma bandeira.

Porque será?

Qual será a bandeira deste PONTO VERDE?

Fala da constituição, mas parece que nunca a leu, ou nunca a percebeu.

Ricardo disse...

O post da Constituição é outro, aqui fala-se de tráfico de influências, falta de transparência, e se calhar corrupção... quem sabe se é o caso? E também de subserviência ao grande capital, não vi aqui falar de nenhuma bandeira.Se achas que o tipo anda obcecado e não diz nada porque é que cá vens deixar uma boca todos os dias?

Anónimo disse...

AINDA ACERCA DOS INDÍCIOS DE IMPUNIDADE AQUI REFERIDOS SOBRE OS ABATE DE ESPÉCIES PROTEGIDAS CONSULTEM P. F. :

http://www.rostos.pt/paginas/inicio2.asp?cronica=20693&mostra=2

Anónimo disse...

O Ponto Verde tem duas espinhas espetadas na garganta uma é o PCP e outra o Benfica. O problema é que ambos são vermelhos!
Se a autarquia fosse do PS para o Ponto Verde todos estes negócios eram licitos, como não é, são ruinosos e efectuados por curruptos.
Lembro apenas uma coisa é ilegal um proprietário urbanizar o seu terreno? è ilegal a CMS efectuar negócios com o grupo A. SILVA & SILVA, que é apenas o maior grupo económico do concelho. De certeza que se a CMS o ignorasse aí estava o ponto verde a dizer que era um escândalo a CMS ignorar o maior grupo económico do concelho e contratar obras a empresas que não são do concelho... Não há dúvida cada vez que o ponto verde abre a boca o cheiro é pestilento!

João Afonso disse...

Esta noticia devia de ser divulgada num site que se diz preocupado com o ambiente na margem sul, mas como o Ponto Verde só sabe inventar mentiras para denegrir a imagem da Câmara Municipal do Seixal deixo esta noticia para que as pessoas sejam devidamente informadas:
A Câmara do Seixal foi distinguida com um prémio especial na 8.ª edição do Concurso Nacional de Gestão de Resíduos Urbanos - Cidades Limpas. A autarquia concorreu ao Tema Especial - Gestão Integrada de Resíduos Orgânicos, com o Projecto de Compostagem que decorreu no concelho entre os anos 2002 e 2005.

«O prémio foi atribuído por se tratar de um projecto inovador na área da gestão dos resíduos urbanos», explica ao “Região de Setúbal Online” Jorge Didelet, do departamento de Ambiente da autarquia. Adubar os jardins e as hortas com fertilizantes naturais produzidos a partir da reciclagem de materiais biodegradáveis, como folhas de árvores, relva ou restos de vegetais, e reduzir a quantidade de resíduos depositados no Aterro Sanitário, foi o grande objectivo do Projecto de Compostagem.

O projecto permitiu ao município cumprir as metas estabelecidas na Directiva Comunitária sobre deposição de resíduos, bem como promover a cidadania relativamente a objectivos na área do ambiente. «Os objectivos foram plenamente conseguidos e até ultrapassaram as expectativas», congratula-se. O projecto fez parte de uma candidatura ao Programa Life, com fundos comunitários, e visava «demonstrar que era possível promover a recuperação de resíduos e recuperá-los para um fim útil como os fertilizantes».

A autarquia distribuiu mais de mil compostores às famílias e conseguiu o envolvimento de mais de 20 escolas que também praticam a compostagem. Os serviços municipais também fazem a recolha de relvas e outros materiais que depois são transformados em fertilizantes utilizados nos jardins públicos. «Trata-se de um processo que para além das óbvias vantagens ambientais, é também mais económico. Em vez de comprarem adubos artificiais que são mais caros, as pessoas podem transformar os materiais na própria casa e utilizá-los como fertilizante».

O objectivo do projecto é «implementar um sistema comunitário de compostagem», através da promoção da compostagem nas escolas do município, construção de uma Unidade de Compostagem Municipal para deposição de resíduos provenientes dos jardins públicos e dos serviços de recolha da autarquia; e promoção da Compostagem nos jardins e quintais das habitações unifamiliares. «Estes objectivos foram conseguidos com sucesso», remata Jorge Didelet.

Por fim apenas digo que há alguns meses atrás lancei aqui o repto ao Ponto Verde sobre a compostagem. O Ponto Verde a custo acabou por aceitar, mas veio dizer que a mesma era a pior coisa do mundo, ora aí está este prémio para provar quem tem razão! Mais se prova que o pontov erde não passa de um mentiroso!

Ponto Verde disse...

Sr João Afondo Diga se é mentira:

1- A Urbanização referida neste post.
2- A Urbanização prevista para junto ao Forum Cultural
3- A Urbanização a reboque do centro de Estágio.
3- O Aluguer das instalações dos serviços técnicos da Câmara ao Grupo A.Silva e Silva, construido à medida do fim pretendido.

Manuel Tiago disse...

Esse senhor João Afonso, nitidamente está incomodado com as noticias aqui publicadas, tal o desespero em que fossem outros os temas e as noticias aqui trazidas. Parade que o Pontoverde está a acertar em cheio em algo que incomoda mesmo. Realmente tudo isto é um verdadeiro escândalo!

João Afonso disse...

Senhor Ponto Verde:
1 - A urbanização do A. Silva & Silva que eu me lembre, pelo menos há 15 anos, ainda era Eufrázio Presidente da CMS, que foi anunciada com pompa e circunstância;
2 - Diga-me quando é que foi anunciado pela CMS que a zona devoluta junto do Forum ia ser zona verde? Que eu saiba nunca!
3 - A urbanização da Quinta da Trindade está contemplada no PDM do Seixal aprovado há 10 anos, quando ninguém sonhava que o Centro de Estágios do SLB viria para o Seixal;
4 - Assim sendo se alguém anda a reboque só pode ser você!
5 - As novas oficinas da CMS foram construidas nos termos expostos num anterior comentário proferido por mim neste blog e que por isso me dispenso de reproduzir, até porque tenho mais que fazer do que estar aqui a alimentar as suas baboseiras e a mim, ao contrário do que acontece consigo, ninguém me paga para estar aqui a escrever!

Ponto Verde disse...

Caro Senhor Afonso, então só está a comprovar que eu não menti!

e mais!

em relação a 1- deviam ter vergonha ao anunciar "com pompa e circunstância" aquela urbanização! A menos que tenham algo a ganhar... (e é melhor ficarmos por aqui!).

em relação a 2- não volte o bico ao prego,muita gente pensa que a obra é aquela alameda como está e não cheia de prédios, e como sabe tem sido bem explorado a sua imagem enquanto tal.

em relação a 3- está a mentir, não fossem as contrapartidas.. e o Benfica ... e não se faria o que para ali vão fazer.

em relação a 4 e ao reboque quem paga e quem recebe deve saber quem é, a propósito conhece o PACO? Olhe que há quem conheça...

em relação a 5 - Essa história das oficinas vai dar ainda muita tinta, estamos só para ver quem se vai aproveitar da localização das antigas... mesmo assim conforme está, há muito ainda para convencer!

Anónimo disse...

Sr José Afonso, não existem dúvidas que o projecto da compostagem foi um projecto inovador, mas o cumprir o estabelecido pela EU, tenho as minhas dúvidas, ora um concelho com mais de 100000 moradores, 1000 compostores (com dimensão de mais ou menos 1 m3) entregues apenas às moradias, será suficiente para reduzir drasticamente a produção de resíduos orgânicos a enviar para aterro? E quanto aos resíduos orgânicos retirados dos jardins municipais, esses sofrem compostagem juntamente com as lamas (estabilizadas) provenientes de uma ETAR. Agora pergunto, este composto resultante da compostagem dos resíduos orgânicos com as lamas é controlado por alguma entidade exterior? É que o composto é utilizado nos espaços públicos e é dado a quem estiver interessado em o aplicar no seu jardim e horta! Mas em relação a esse projecto, não haja duvida que o município está de parabéns.

AGORA falta o resto: LAGOAS de ÓLEO em Vale de Milhaços – onde o aquífero livre já se encontra contaminado e o inferior em vias de facto – há quem utilize poços circundantes a estas lagoas para regar as hortas sem ter o mínimo conhecimento do que a sua água tem; SPEL – Vestígios de TNT e DTT (explosivos), valores de chumbo 46 vezes acima do permitido por lei e de manganésio 140 vezes acima, encontrados em furos particulares e no esteiro de Corroios – A CMS já avisou os seus munícipes através do Boletim Municipal, que a água que alguns podem utilizar proveniente dos seus furos pode estar contaminada? É que nem toda a gente sabe o que se passa no Concelho e nem toda a gente sabe que tem de fazer análises à água, mas um Município que se diz tão preocupado com a qualidade de vida da população talvez devesse começar por aí; Diminuição das Zonas Verdes – sabe que o Concelho do Seixal é um dos que no Verão ultrapassa os limites de Ozono Troposférico, será que esta CMS sabe que as árvores são uma das medidas mitigadoras para combater o aquecimento global, será que sabe que elas retiram o CO2 da atmosfera e nos dá o O2? Será que sabe que a população precisa de espaços verdes e de sombras, principalmente as crianças para poderem brincar sem serem esturricadas pelo Sol? ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO – Porque é que se constrói em altura (actualmente já em desuso), porque que é que não se cumpre os espaços mínimos entre prédios? (há andares em que nunca se chega a ter o sol a bater na janela!) Porque que é que é só construir? Zonas verdes, Corredores Ecológicos, a CMS tinha um Plano Verde, onde é que ele está? Na gaveta!, por ser o impedimento à construção? REN – porque é que embirram tanto com um dos únicos valores naturais que este concelho tem? Rede Natura 2000 Fernão Ferro/Lagoa de Albufeira, será que esta CMS sabe que existe!. Hotéis e Marinas é o que este Concelho precisa! Não tratem dos esgotos a céu aberto que não é preciso! (talvez agora com a SIMARSUL a coisa tome algum sentido! Ver para crer). Antigos Areeiros – o que fazer deles? São as novas lagoas naturais do Concelho com patos e tudo! Onde as crianças vão brincar nos dias de mais calor e onde já aconteceram algumas tragédias. Siderurgia Nacional – é melhor nem comentar…
Etc.....

Portanto, acho que o Projecto da Compostagem e outros que a CMS também tem, são uma pequenina percentagem daquilo que a CMS tem de fazer a nível do Ambiente. Quando mudar de atitudes - sim porque pode dizer que muitos dos problemas que o Concelho tem, a resolução não é da competência da CMS, como o caso da SPEL e outros, mas não esquecer que garantir a qualidade de vida da população é uma das responsabilidades da Autarquia – talvez os Munícipes dêem também um prémio de especial ao Executivo – Uma diminuição da Abstenção, por exemplo!

Ana S.

Anónimo disse...

E com estes dois ultimos comentários se calaram os interesses do betão.

André Santos disse...

"...o Ponto Verde só sabe inventar mentiras para denegrir a imagem da Câmara Municipal do Seixal...", por Sr João Afonso

Será?
A mim basta-me ver algumas fotos (esgotos a ceu aberto p.e.), olhar bem para o tipo de politica de construção (betão, betão, betão...) e os desrespeitos para com a lei e a natureza (abate de sobreiros, zonas protegidas, etc...) e nem é preciso que alguem tente denegrir a CMS...

A CMS é pura currupção!
Cambada de ladrões...

LB disse...

Caro João Afonso, também há mais de 10 anos me lembro de ser bombardeado com notícias no boletim do Seixal sobre "A Quinta da Trindade é nossa, A Quinta da Trindade é nossa!".
A CMS tinha adquirido, ou agora à luz dos recentes acontecimentos, supostamente adquirido uma quinta histórica para o património do concelho, e afinal, no que deu????
Mega urbanização a reboque da instalação do centro de estágios do Benfica. Foi bom para o concelho??? A ver vamos!

Anónimo disse...

Contra factos não ha argumentos, nem mesmo argumentos de politicos.....
ACT NOW