domingo, janeiro 22, 2006

PERMUTAS E A "DISNEYLAND DA MOITA"


















Há na gestão autárquica figuras juridicas, tanto nebulosas quanto comuns, refiro-me às permutas, contrapartidas nem sempre compreensiveis, nem sempre claras, e ,as alterações discricionárias do uso do solo (ver o post de ontem) que de um dia para o outro transformam um terreno que nada vale do ponto de vista imobiliàrio numa verdadeira mina de ouro...

Vem isto a propósito da leitura do "Protocolo para Cedência Futura de Terreno para Edificação de um parque Temático no Concelho da Moita".

Da sua leitura ficamos a saber o seguinte :

- O Terreno tem 60 hectares (ao que parece considerado terreno agricola, e inserido em àreas de REN o que é omisso no protocolo) .

- O terreno era propriedade da empresa COMITUR S.A. que o cedeu em 13 de Maio 2003 (data bem escolhida para um milagre) com a contrapartida de não lhe sendo permitido construir naquela zona , poder urbanizar a zona Quinta da Prata Sul, o terreno passou assim para o "dominio privado municipal"!!!

- Ou seja como contrapartida a urbanizar na Fonte da Prata e utilizando a figura legal da permuta (a arcaica troca de géneros ) a empresa cedia para "dominio privado municipal" 60 hectares de solo agricola e florestal...

- Respondendo às pesquisas dos "Badocas" que segundo o protocolo, vindos "do concelho de Santiago do Cacém" (CDU - Coincidência?) procederam a pesquisas "tendo em vista a localização e identificação de um terreno com caracteristicas adequadas a receber a construção de um parque temático...".

- E o tal milagre (13 de Maio) deu-se, não é que " Após algumas pesquisas e diversos contactos com proprietários, veio a Câmara da Moita localizar e identificar uma parcela de terreno com as caracteristicas solicitadas. Trata-se de uma área de terreno com aproximadamente 60 hectares..." è extraordinário!!! deve haver terrenos de 60 hectares aos pontapés na Moita (do "dominio privado municipal") para ser preciso "algumas pesquisas e diversos contactos" para o encontrar... e curioso é o facto de servir logo à medida dos desejos dos investidores que já o procuravam há alguns anos por toda a Àrea metropolitana de Lisboa...

- Depois há aqui um ponto que realmente não se percebe, o terreno foi cedido pela COMITUR S.A. a 13 de Maio... para o dominio privado municipal... depois diz que " Essa parcela de terreno veio posteriormente a ser adquirida pela empresa MACLE S.A. actual proprietária e unica possuidora daquele prédio"???

- Ou seja : A Câmara da Moita em dois anos fez de um terreno que pouco valia e onde não permitiu ao anterior proprietário construir (e bem - Terreno Agricola, em Reserva Ecológica) , propriedade da COMITUR S.A., num terreno propriedade da MACLE S.A. onde se pode construir um parque temático num investimento de 75 milhões de euros... um verdadeiro milagre de 13 de Maio!!! Ou um JACKPOT para a MACLE S.A. (?)
________________________________________________

Mas a Empresa Badoca deve ser mesmo genial!!! Por onde passa (neste caso de concelho CDU para concelho CDU) gera riqueza!!! E as previsões de tal projecto para o "Parque da Lusitaniedade" . Vejamos :

-Investimento 75 milhões de euros.
-Àrea 60 hectares
-Postos de trabalho 1200
- Reconversão de "solo rural" e parte integrante de Reserva Ecológica Nacional. em solo urbano com usos lúdico- culturais e de lazer.
- Visitantes : 1ª Fase 10.000 visitantes /dia = 3.65 milhões /ano
2ª Fase 20.000 visitantes/dia = 7.3 milhões/ano
3ª Fase 30.000 visitantes/dia = 10.95 milhões/ano

Impressiona...óoooh! se impressiona se compararmos com o principal e mais concorrido Parque Temático Europeu, a Eurodisney de Paris, situado no primeiro país mundial receptor de turismo (França), na primeira cidade receptora de turistas (Paris) e que é só o principal Parque de diversões da Europa e um dos maiores do Mundo e que teve como visitantes :

- 1998 - 12,5 Milhões
-1999 - 12,5 Milhões
-2000- 12 Milhões
-2001 - 12,2 Miões
-2002 - 13,1 Milhões
-2003 - 12,4 Milhóes
-2004 - 12,4 Milhões

Pensem nisto; quando funcionar em pleno , a Moita terá quase tantos visitantes com destino ao seu parque temático como Paris!!!
E mais, no projecto da Moita está contemplado um hotel com 200 quartos, na Eurodysney há 7 hotéis (isto para um número aproximado de visitantes...)

Senhor Lobo... explique-nos como se fôssemos muito burros!!! É que há algo aqui que parece não bater certo!!! Ou é mais um Quadro tipico da Lusitaniedade???

7 comentários:

AV1 disse...

Belo texto. a linkar desde já.

GreenDevil disse...

Bom texto. Espero que não se importem de o copiar para o nosso Blog. É que, ou é da loirice, ou somos mesmo burros. connosco o link não funciona.
LuistaniaParque

Mário da Silva disse...

No Plano da Moita temos uma súmula de todos os links para artigos referentes ao assunto.

Podem copiar o link acima :)

rui disse...

É um golpe de mestre.
Qualquer bom milagre requer a sua peregrinação acoplada.
Ainda vai tornar-se obrigatório que um português visite esse local mistico na Moita uma vez por ano para fazer as tais 10 milhões de visitas.
E vai haver também a necessidade de construir muitos mais hoteis na zona. Muitos mais...
Ao menos que não se esqueçam das redes de saneamento básico...

Mário da Silva disse...

Breve comparativo dos maiores parques temáticos do mundo (em 1999):

http://www.savefile.com/files/3263668

Anónimo disse...

http://sinalmais.blogspot.com/2006/01/por-falar-em-ambiente-verde.html

isto devia ser fotografado

Mário da Silva disse...

Se puder adicione este link aos seus links:

Sobre o Parque Temático da Moita
http://oplano.blogsome.com/2006/01/20/por-causa-da-imprensa/

E quando ouverem novos posts sobre o assunto aqui avisem-nos.

Obrigado.