quarta-feira, julho 13, 2005

CÂMARA COMUNISTA EXPLORA JOVENS ECOBRIGADISTAS


De onde sopra o vento?

Em véspera de eleições autarquicas, o vento sopra necessáriamente do lado da demagogia fácil e barata, das promessas que não passam disso.

Como ter "preocupações" ambientais «vende» e é politicamente correcto, as câmaras que durante os mandatos nada fazem de concreto em termos de protecção ambiental aproveitam estas épocas de folclore eleitoral para promover uma imagem que de real pouco ou nada tem.

Mestres nesta arte da demagogia estão as câmaras de orientação Comunista, ou não tivessem elas no seu seio a aberração que é o "Partido os Verdes". Vem isto a proposito de uma noticia publicada ontem no PUBLICO com o titulo "Ecobrigadas em acção no Seixal até ao final do mês" e transcreve-se:

" A Câmara do Seixal lançou no inicio do mês o projecto Ecobrigadas, que envolve um total de 20 jovens na luta pelo ambiente do municipio até ao final de Julho.Entre as tarefas dos participantes destacam-se a limpeza dos espaços verdes e das praias fluviais da zona...Os "ecobrigandos", estudantes com idades compreendidas entre os 15 e os 20 anos, estarão ainda encarregues de passear os cães do canil municipal..."É preciso é mexer" diz Carlos Mateus ,vereador do ambiente da autarquia, sobre o projecto Ecobrigadas ."Este ano, cada jovem receberá 105 euros pelo mês de trabalho como subsidio de alimentação e transporte...Por falta de verbas, esta iniciativa não pôde aceitar todos os inscritos, cerca de 42..."

Tudo excelente , tudo politicamente correcto, apesar das carências (?) depois vejamos, que este discurso da boa vontade para com os jovens coitadinhos e para a benfeitoria da sociedade, contrasta com a politica despesista desta câmara noutras alíneas perfeitamente inuteis, contrasta também com a ausência de uma politica real de ambiente e de desenvolvimento sustentado por parte desta autarquia.

Estamos no limiar da "silly-season" e na prática em plena campanha eleitoral, mas vender esta imagem à custa de 20 jovens, que recebem 105 euros CENTO E CINCO EUROS POR MÊS para desempenhar as tarefas acima mencionadas, se não é exploração, o que é então ???

Na realidade nada mais é do que mais uma iniciativa para consumo jornalistico e promoção da deplorável eco-imagem, é mais um programa na linha de outros (compostagem, brigadas do ambiente versão sénior...) desenhados na prática para desviar as atenções dos problemas ambientais concretos e reais, os quais são da expressa e total responsabilidade da própria autarquia :
- Densificação urbana.
- Guetização .
- Destruição de espaços verdes naturais.
- Esgotos a céu aberto, esgotos não tratados que assim são despejados no Tejo.
- Poluição do ar.
- Parques e pavilhões industriais que nascem aleatóriamente.
- Não aplicação da Lei do Ruido (em que festas populares se arrastam diàriamente durante meses num claro desrespeito por quem trabalha, pelo descanso de crianças e idosos).

Estes são alguns dos verdadeiros problemas ambientais do Concelho do Seixal, e não são resolvidos por porem na rua 20 jovens, explorados e mal pagos, aos quais parece não ter sido dada nem qualquer formação, e muito menos garantida continuidade na sua acção (porquê só um mês? Há alguma festa para montar depois?)
Posted by Picasa

24 comentários:

Anónimo disse...

se não é exploração, o que é então ???

É competência, honestidade da autarquia e bimbalhice de quem aceita. Deve ser a Juventude de "Os Verdes" que prefaz o mágico nº de 42 jovens brigadistas.

Anónimo disse...

Vivo na Torre da Marinha e o barulho não deixa descansar eu que tenho que me levantar cedo todos os dias, são as festas da Arrentela, da Torre, do 25 Abril, do Seixal, do Avante, felizmente que Corroios e Paio Pires estão mais longe. Isto não é contra a lei? José Eduardo

Anónimo disse...

"Ecobrigadas entram em acção na quarta-feira

O projecto ambiental Ecobrigadas tem início na quarta-feira, dia 6, e prolonga-se até final de Julho. Este ano participam vinte voluntários com idades compreendidas entre os 15 e os 20 anos, divididos em duas equipas.



As Ecobrigadas são uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal no período das férias escolares, que pretende envolver os jovens nas questões ambientais e posteriormente, através de acções de rua, sensibilizar a população para a importância desta temática.



Entre as tarefas previstas destacam-se a limpeza de espaços verdes e zonas ribeirinhas, e um inquérito à população sobre óleos alimentares usados, um tema que levanta sempre muitas dúvidas.



Os “Ecobrigandos” vão ainda passear os cães do canil municipal. Muitos destes animais foram abandonados e estão presos há algum tempo. Os passeios são uma forma de melhorar a sua estadia no canil, enquanto não são adoptados por um novo dono.



Antes de saírem para a rua, os participantes recebem uma formação de dois dias, na qual lhes são transmitidos conhecimentos básicos sobre educação ambiental e os objectivos do projecto. As actividades são sempre acompanhadas por monitores da Câmara Municipal.



Cada “Ecobrigando” tem direito a um subsídio diário, um subsídio de transporte e está abrangido por um seguro de responsabilidade civil.



Nesta edição inscreveram-se 42 jovens, dos quais foram seleccionados 20."


lendo o que esta no site da c.m.s.nao vejo nenhuma forma de exploraçao.

Gaivota disse...

Empregada de limpeza hora 6 € (+ passe + seguro + seg social)

Jardineiro dia 40 €

É exploração sim senhor, as actividades associadas ao ambiente não são um passatempo ou uma brincadeira.

Anónimo disse...

A consciencialização dos jovens para os problemas ambientais é uma forma de exploração... Só se for na miopia mental do autor do blog!A participação dos jovens em actividades ambientais é uma forma de exploração, quando ainda por cima são remunerados de forma simbólica... Só se for na miopia mental do autor do blog!
Se a Câmara nada fizesse vinham dizer que não tem iniciativa... Se faz é porque paga pouco... Se pagasse muito era despesista e queria comprar a juventude em ano de eleições... Com mentecaptos destes é evidente que a CDU vai continuar a ganhar as elições autárquicas, pois é a única força política que têm um projecto para o concelho do Seixal

Ponto Verde disse...

O Mentecapto , autor do anterior post deste blog "Câmara comunista explora jovens ecobrigadistas" tem a dizer o seguinte:

A consciencialização ambiental não se faz "criando actividades" que são mero show-off para propaganda.

A consciencialização ambiental faz-se criando ambientes com qualidade e tendo as autarquias preocupações ambientais no dia a dia.

A conscencialização ambiental dos jovens não se faz quando estes são confrontados com cabos de alta tensão que pairam sobre a sua cabeça, como em Pinhal dos Frades (uma Ecoescola).

A conscencialização ambiental dos jovens não se faz quando vêm um esgoto a céu aberto a passas por exemplo junto ao Max Mat - Fogueteiro.

A conscencialização ambiental dos jovens não se faz em cidades onde estes não podem sequer andar num meio alternativo e não poluente como a bicicleta, porque as ruas e estradas não lhes dão segurança para isso.

A conscencialização ambiental dos jovens não se faz quando vêm diáriamente o seu concelho com menos àrvores e cada vez mais construção, quando ainda por cima sabem que há leis que protegem esses espaços e essas espécies como o sobreiro, mas que os autarcas positivamente querem é ganhar mais dinheiro urbanizando.

A conscencialização ambiental dos jovens não se faz porque a autarquia lhes dá tarefas só para os manter ocupados (limpar praias, canis...) pagando demasiado pouco (subsidio de alimentação e transporte no valor de 100 €) e verem que ao fim desse tempo tudo continua na mesma e que a autarquia continua com a mesma politica, vão-se sentir é usados e borrifar-se no assunto no futuro. São jovens mas não são parvos!!!

Se fosse o senhor Belmiro de Azevedo, presidente do maior hipermercado da zona a tomar uma tal iniciativa viriam os senhores a dizer que aqui del Rei, que estavam a explorar os filhos da classe operária... pelo menos o salário minimo!!! Que se estavam a aproveitar da ingenuidade da juventude...blá ...blá...

Como são voces a dar os trocos, já vale tudo.

Viva a vossa iniciativa de ocupar a juventude, ocupem também a juventude de Vale de Xixaros, quinta da Princesa, Quinta da Cucena, Sta. Marta... Já que estão preocupados com a ocupação dos jovens... vão é ver o que eles vos dirão quando os senhores lhes derem os tais cem euros no fim do mês.

Anónimo disse...

Penso que é apenas para fazer fogo de vista, mas tb não advém mal ao mundo or aí

Anónimo disse...

Consciencialização dos jovens para os problemas ambientais!!!!!
E porque não começarem a consciencializar os funcionarios, chefias e mesmo vareadores da autarquia. O primeiro era logo o carlos mateus que devia era de estar no pelouro do urbanismo e não no Ambiente. Metam as ecobrigadas a explicar ao sr. vereador do ambiente a importancia da REN e RAN do concelho......

Anónimo disse...

desculpem o erro, é senhores vereadores e não vareadores.....

Anónimo disse...

Pelos vistos a miopia mental do autor do blog não o impede de concordar com a afirmação que a CDU vai ganhar, contra ventos e marés, as próximas eleições autárquicas, pois é a única força credível no concelho do Seixal. No que concerne às outras afirmações do miope mental ponto verde, apenas demonstram o seu desespero com o facto da CDU se preparar para ganhar de forma folgada mais umas eleições autárquicas, nas quais parece que ó PS e o PSD já desistiram antes de começar o acto eleitoral...

Anónimo disse...

O mentecapto autor do post vem afirmar que as ecobrigadas não passam de "show-off para propaganda", mas ao mesmo tempo afirma que há uma exploração... Ora se o projecto fosse um mero "show-off para propaganda" a Câmara Municipal do Seixal deveria pagar aos jovens um elevado subsidio, no minimo nunca inferior a € 5.000,00 mensais... Isso sim demonstrava o carácter propagandistico da iniciativa. E aí o autor do post poderia afirmar que a Câmara esbanjava dinheiro em propaganda. Como o valor pago aos jovens é meramente simbólico, o "defensor dos oprimidos" autor do post fala em exploração... Por importante se refere que no post não condena a iniciativa, mas sim o valor a pagar aos jovens... Pelo que não se entende o comentário do ponto verde. Pelos vistos como passaram a haver comentários a dizer que não havia exploração, então a iniciativa já não presta e é meramente propagandisitica... Tudo isto só demonstra a falta de sentido do post e do próprio blog... È preciso termos paciência para aturarmos estes tipos!

Ponto Verde disse...

O miope mental pensa que num país democrático os resultados só aparecem depois das eleições , a não ser que o esquema esteja de tal forma montado que já possam cantar vitória, se assim é , quem sou eu para o desmentir.

Mas se vão continuar com esta politica coitado do Seixal e com estas vistas estreitas e gente sem nivel e qualificação, quem venha no fim que feche a porta...ah e apague a luz.

Esta autarquia vive de, para e só de propaganda, arrazo de espaços verdes para construção até à exaustão, hoje deparei-me com mais um, a tira de terreno que existe junto ao Lidl Paivas, junto à linha de àgua que passa junto à Escola do Fogueteiro, mais betão...

Os senhores parecem donos do concelho pela forma arrotada como expressam as vossas ideias, ao chamar-lhes ideias estou a dar-lhes um conteudo que de todo não têm, mas enfim, é só para não descer ao nivel.

E depois não respondem às questões, os esgotos (Seixal parece Marco de Canavezes versão Margem Sul), a densificação de urbanização e pavilhões industriais para alugar e vender...o corte de sobreiros...as alterações ao PDM para satisfazer determinado$ objectivo$... façam uma viagem pelo blogoe miope e têm pano para mangas...

Outra coisa, vão ter mesmo de me aturar!!! A menos que o Seixal evolua para a sociedade descrita pelo vosso SG. Jerónimo Operário da Assembleia para quem Estaine é "folclore" , e "Lenine deu uma excelente contribuição para a apreciação do capitalismo" para além de que defendem " um regime de liberdade com existência de pluralismo partidário e recurso a eleições" ... Muito obrigado Camaradas, ainda não é desta que daqui me vou.

Anónimo disse...

Sabemos que o ponto verde só sai daqui a 9 de Outubro, data em que vai meter a viola no saco e hibernar por 4 anos com os seus problemas ambientais, em 2009 regressará muito preocupado com os "problemas ambientais" do Seixal...
Quanto ao resto é foclore!

Anónimo disse...

o ponto verde ate pode desaparecer a 9 de outubro, a realidade é que todos os problemas aqui apontados nao vao tomar o mesmo rumo. contra factos ano ha argumentos embora se tente tapar o sol com a peneira....

J.S disse...

A verdade é que há muitas questões aqui que mereciam uma discussão pública mais acentuada. Há coisas que não lembram a ninguém e que poderiam ser facilmente corrigidas pela autarquia local do Seixal e por outras aqui referenciadas, assim tivessem vontade.

Ponto Verde disse...

Para vosso incómodo não penso daqui sair? Porque razão ? Se o a-sul tem cerca de 500 visitas diárias é porque há quem se identifique com o que aqui está escrito e não encontra noutros lados como o Boletim Municipal do Seixal, a Revista de Almada ou Grândola para só falar em 3. Nunca percebi (Grândola é excepção)porque é que estas publicações não têm um espaço dedicado aos leitores, ou melhor dizendo, aos eleitores, mas a teoria do pensamento único a isso não convida, bem sei...

Não percebo porquê da ideia de hibernação ??? Estamos aqui há mais de um ano (porque a tecnologia o não permitia antes), e só agora com o aproximar de mais umas eleições é que estão preocupados com estarem-se aqui a mostrar os podres do paraíso?
Os politicos vão e vêm, já por mim que agora escrevo, passaram os da "outra senhora" que também se julgavam eternos é tudo uma questão de tempo ... (e o vosso está-se a esgotar) podem enganar poucos muito tempo, alguns ou mesmo muitos, mais ou menos tempo, mas nunca conseguirão enganar todos até à eternidade. Veja-se a vossa referência enquanto país e sistema, a FRAUDE DO SÉCULO!!! Vªs Exªs são a FRAUDE DA REVOLUÇÂO.(Porque não concorrem como Partido Comunista Português ? Se estão tão seguros...)

Que tal começarem por explicar como o PCP se financia e o papel do Seixal nesse financiamento?

Ponto Verde disse...

É verdade, os problemas ambientais não "são meus" como me acusam, são dos mais de 150000 habitantes do concelho, vossas familias incluidas, mas Vªs Exªs nem são de cá não é?

Anónimo disse...

Os comunistas que detêm o poder na Margem Sul estão acima da moral. Toda agente que vive ou viveu lá sabe disso. Não percebo é como ainda não foi catalogado de inimigo da classe trabalhadora e extraditado para a Sibéria por expor o que se passa. Porque não foi inventado.

Anónimo disse...

Que tal começarem por explicar como o PCP se financia e o papel do Seixal nesse financiamento?



O que pretende exactamente dizer com isso ?
É fácil atirar larachas para o ar sem se mostrar e sem ter provas para apresentar, mas saiba que a CDU local é isenta e não tem nada a esconder, ao contrário do autor deste blog que sofre de miopia mental !

Paco disse...

Não vejo qualquer afirmação, uma simples pergunta é de tão dificil resposta que tem que inferir uma ameaça e uma provocação. Eu também tenho duvidas.

O que vão fazer das oficinas desafectadas no Fogueteiro?

Foram dadas aos Silvas contrapartidas para construção e arrendamento das novas?

O Benfica/Euroárea deu algumas contrapartidas à Câmara por se instalar no Seixal? E urbanizar 24 hectares?

O que significou na assembleia geral do Benfica a alínea "votação da alienação dos terrenos do Seixal"?

São capazes de responder sem ofender ou ameaçar?

Anónimo disse...

Voluntariado jovem para as florestas



Estão abertas as inscrições para a iniciativa Voluntariado Jovem para as Florestas. Um programa de vigilância e sensibilização que pretende juntar jovens entre os 18 e os 30 anos durante os meses de Verão.



Os participantes vão desenvolver actividades de vigilância contra incêndios florestais e sensibilização das populações, através da distribuição de folhetos, nas zonas de actividade.



As actividades têm a duração de 5h30m por dia e são divididas por turnos das 9h às 14h30m e das 14h30m às 20h, podendo os inscritos participar até 15 dias seguidos e num mínimo de 7.



Aos voluntários está garantido o transporte dos pontos de encontro, a combinar em cada freguesia, para as zonas de vigilância e sensibilização e vice-versa, e assegurado o fornecimento de uma garrafa de 1,5 l de água e lanche diário, comunicações móveis, combustível para quem utilizar motociclos ou ciclomotores próprios e um subsídio de 12 € por dia, atribuído pelo Instituto Português da Juventude.



No concelho do Seixal o Voluntariado Jovem para as Florestas conta o com o apoio da Câmara Municipal do Seixal, Bombeiros Voluntários do Seixal, Agrupamentos de Escuteiros e Motoclube do Seixal.



Os interessados poderão inscrever-se até dois dias antes do início da respectiva quinzena directamente no site do IPJ, em www.voluntariadojovem.pt, ou em impresso fornecido pelo Serviço Municipal de Protecção Civil do Seixal e enviá-lo para a morada abaixo indicada.



Serviço Municipal de Protecção Civil do Seixal

Rua Arnaldo e Matias, Edifício dos Bombeiros, 1

2840-502 Seixal

Anónimo disse...

Desde o inicio do ano arderam 30000 hectares de floresta no país. Agora é que a Câmara do Seixal ... abriu inscrições para vigilantes???? É SURREAL!!!

Anónimo disse...

"e assegurado o fornecimento de uma garrafa de 1,5 l de água"


1,5 litros de água ??? os putos vão morrer à sede e depois a camara tem de indeminizar as famílias !!!! por favor passem esse número para 3 que os putos precisam de estar hidratados. Irreal !

Anónimo disse...

devem é ir reflorestar a zona que a camara fechou os olhos a desflorestação na quinta da princesa junto ao sapal de corroios, ja agora tambem na quinta da princesa na zona dos sobreiros, e em pinhal dos frades, na zona da verdizela que ardeu a semana passada para onde vai mais um condominio, e ja agora vao plantar umas arvores junto ao centro de estagios do benfica (exren???!?!?)