segunda-feira, abril 16, 2007

SEIXAL - DESPERDIÇAR ABRIL, MAIO...JUNHO...













Junto à Baía do Seixal foi construído em período pré eleitoral pela empresa A.Silva e Silva que pretendia promover uma urbanização no local, uma amostra de ciclovia .


Este trecho foi amplamente aproveitado para efeitos propagandisticos pelos candidatos CDU à Câmara (que ganharam a maioria) e pelo Grupo A.Silva & Silva, o seu construtor, para promover o seu empreendimento de luxo "Quinta do Outeiro" .

No outro lado da Baía em Amora, fizeram, também a recuperação de uma zona limitada junto á Baía construído (por e) em contrapartida da instalação de uma grande superfície.


Desde então nem um metro de ciclovia foi construído no Seixal pela Câmara municipal , muito menos com o intuito de prolongar ou dar sentido aqueles dois troços desgarrados, é notório sobretudo aos fins de semana que o Povo, existindo espaços aprazíveis , tira o melhor partido deles, e tira realmente o melhor partido destes espaços, que é pena não terem ligação com mais nada...chegando a ser perigoso para ciclistas e peões ultrapassar os obstáculos para lá chegarem.

Pelo que se dá o caricato da Imagem, dentro de um aglomerado urbano, se as pessoas pretendem usufruír daquele espaço e andar de bicicleta, então têm que pôr o veículo de duas rodas no tejadilho do de quatro .... surreal!!!
_________________________________________________
_________________________________________________

Este é um poder local que vive da farsa, das bandeiras, da festa, da propaganda e da mentira, a última foi dizer que estiveram cinco mil pessoas na diversão agit-prop de ontem!!! Engenheiros!!! Perdão, Doutores...da ex URSS!!!

2 comentários:

Anónimo disse...

Cinco mil pessoas naquele sítio!!!Essa é de um de Abril!!! :)))

ex-militante disse...

Ciclovias nas cidades são formas sérias de mobilidade, por cá ainda são vistas como equipamento de parque infantil para todas as idades.
O betão na Baía, o Ponto Verde tem que investigas quem são os terrenos de que falou , do Forum até ao Rio, de um lado e de outro, irá ter uma surpresa ao saber a quem calharam.