sábado, setembro 24, 2005

"O PODER LOCAL COMO PROBLEMA"














A "Nau" outrora admirada do
Poder Local
apodrece no pântano para onde foi encalhar pelas mão de inábeis e corruptos comandantes.

"O Poder Local como problema " - Este foi o titulo de um artigo de opinião assinado pelo Professor Vital Moreira no Publico do passado dia 13 de Setembro, e que, a conjuntura actual me levou a guardar e a aqui relembrar recomendando a sua leitura integral. Deixo-vos no entanto no ponto onde refere , depois de rasgados elogios ao poder local, o seguinte:

" Contudo, com o tempo foram-se manifestando alguns traços menos favoráveis do poder local. Entre eles avultam a falta de renovação politica em muitas autarquias, havendo presidentes de câmara municipal que se mantêm no cargo desde as primeiras eleições de 1976; o urbanismo caótico e a desorganização urbana em muitas zonas do país; a preferência pela obra fisica visivel, secundarizando a menos visivel (como o saneamento básico e o ambiente) ; as "ligações perigosas" entre o poder local, o sector imobiliàrio e o futebol; a ocorrência de algumas graves situações de caciquismo populista, de corrupção e de financiamento irregular de partidos politicos; a cumulação de prerrogativas e de privilégios dos autarcas (por exemplo, regime de pensões e de acumulações); o empolamento dos quadros de pessoal; as frequentes acusações de favoritismo politico-pertidário, ou mesmo de gritante nepotismo, no recrutamento de pessoal e na contratação de bens e serviços" (...)

Continuando, Luisa Bessa no Jornal de Negócios de 29/08/05

"A promiscuidade de interesses entre os partidos e os seus financiadores, que têm como palco privilegiado- mas não exclusivo- as autarquias, já muito que deixou de ser apenas um caso de policia para se tornar num problema de regime."

E mais, Manuel António Pina no Jornal de Noticias de 14/09/05

"Às vezes alguém diz de viva voz para os jornais e TV o que toda a gente sabe, incluindo jornais e TV, sabe que a corrupção é hoje um poder dominante da vida politico pertidária e da vida económica portuguesa...

Que há nas câmaras relações perigosas entre autarcas e construtores civis? Que grandes negócios se compram financiando o partido certo? Que boa parte do dinheiro sujo pago aos partidos fica pelo caminho? Tudo isso faz hoje parte da cultura geral."

Perguntar-me-ão o que tem isto a ver com um blog de ambiente, ordenamento... pois tem tudo a ver, na maioria dos casos em apreço perde o país que podia ser mais rico porque tem de alimentar toda uma economia paralela e subterrânea, perde o ambiente quando se contornam leis de protecção ambiental e esse é sempre o mais usado dos esquemas para comprar terreno barato, mudar o uso do solo e fazer crescer a àrvore das patacas...construindo...até Centros de Estágio e seus apêndices, depois porque o desordenamento do território tem a ver fundamentalmente com tudo isto, Portugal tem tanto de boas leis como de formas de as contornar, usando uma expressão de Avelino Ferreira Torres « se há buracos na lei, há que aproveitar, porque para isso é que servem os advogados».

Em que ficamos então, em casa não indo votar? Penso que não, a alternância, ainda é uma forma de limitar o estabelecimento eterno de teias e tentáculos, e a rotatividade democrática ainda é uma das virtudes da democracia. E depois há que acreditar na justiça , que apesar de lenta ainda nos traz surpresas:

Do PUBLICO e Diário de Noticias de hoje citando noticiàrio da SIC de ontem :

"José Luis Judas pode vir a ser acusado de gestão danosa, favorecimento e participação económica em negócio, na sequência dos dois processos de que foi constituido arguido e que foram investigados pela Policia judiciária...Estão em causa, entre outras situações ocorridas durante o seu mandato, negócios imobiliàrios envolvendo o grupo Américo Santo e o clube Estoril Praia. O primeiro teve inicio numa auditoria da IGF que determinou um prejuizo de 13 milhões de euros para a autarquia, na sequência de vendas de terrenos a A.Santo. O segundo inquérito tinha a ver com a cedência de um terreno ao clube, com base noutras transacções pouco claras...o relatório está agora nas mãos do Ministério Publico."

12 comentários:

André Santos disse...

Fiquei intrigado com a imagem da "nau"...

Alguem me explica o que é aquilo? (Não me vão dizer que é mesmo uma Nau, vão?)

Anónimo disse...

o poder local não é problema , o seu exercício é que pode ser , como em todos os outros poderes. por vezes as ondas generalisticas só servem para aproveitar aos que estão contra o poder local. o poder como ideal só é perfeito na cabeça dos que buscam a perfeição e por isso , caminham para o intangível . a ausencia de poder valoriza os anarcas . vamos ser realistas e assumir a imperfeição.

Anónimo disse...

só ha uma froma de cendtralismo: o antidemocrático, mesmo quando se invoca um alegado democrárico que já deu provas do seu falahnço.

as nossas frustrações nao servem de bitola para determinar o modelo para todos. o poder local democratico ajudou o desenvolvimento do país e continuará a ajudar. o livre funcionamento da democracia é que determinará qual o poder local que queremos . deixemo-nos de romantismos .

asdrubal disse...

No jantar da CDU
1000 Pessoas!

500 são funcionários municipais

100 Fornecedores,empreiteiros e construtores
até la estava o Eng Temporão que foi saneado da Camara A seguir ao 25Abril, pelo PCP

150 eleitos e funcionarios do PCP
100 Que já tem pedidos de emprego para os familiares para o proximo mandato, caso A CDU ganhe
100 Membros das colectividades, que recebem subsidios
50 auxiliares das escolas do ensino basico

Anónimo disse...

Caro Asdrubal não deve estar muito longe da verdade, tivesse havido uma intoxicação alimentar e lá se tinham ido "as forças vivas do concelho" em fila para os wc's...

Anónimo disse...

Se fosse assim, pela quantidade de tachos que o PS anda a prometer, este faria o maior jantar de sempre no concelho do Seixal. Sabiam que há pessoas que aceitaram ser candidatos pelo PS a troco de um tacho na Câmara do Seixal, se o PS ganhar a CÂmara

Anónimo disse...

ha tachos na camara do seixal ? e só agora o dizem? já podiam ter dito há mais tempo .. é que a populaça não sabia . todos pensávamos que na camara do seixal nao havia tachos .

Anónimo disse...

estamos a falar do EngºTemporão que comprou ao estado e a meias o terreno da fábrica da pólvora em santa marta de corroios por 6Milhões de contos ?

estve no jantar CDU?

Pois bem.... já pode construir uma nova santa marta do pinhal, o jantar foi só para fazer o brinde ! Deus nos acuda.

Anónimo disse...

é aquele que também colocou o amora f.c em tribunal por causa do mamarracho do prédio que está inacabado na av. marcos portugal na amora . a moda é os técnicos da camara meterem os clubes do concelho em tribunal. o director financeiro tambem meteu o seixal f.c em tribunal. se a moda pega ....

Anónimo disse...

Técnicos da camara a meter clubes em tribunal ? Então eles não foram para lá "de livre vontade" ou será que foram fazer algum trabalho por conta do patrão CMS ?

Já agora, sempre é verdade que os terrenos entre a Atalaia e ao Campo do Amora, onde era a fábrica da pólvora, são para construir um estádio novo do Amora ? E que em troca o Sr.Temporão (dono desses terrenos) vai poder construir na Medideira mais umas torres e avançar com a Marina da Venamar, depois de lhes comprar o projecto, que por sinal nunca mais anda ?

Se me pudessem esclarecer.

asdrubal disse...

Os esclarecimentos vêm já a seguir, depois das eleições, porque é democrático...

Deus nos acuda...

Anónimo disse...

o voto no ps é voto certo por isso dia 9 vote ps