sexta-feira, julho 27, 2007

AS QUESTÕES DA AMORA


A população da Amora tem grandes dúvidas sobre o impacto do traçado da via alternativa à EN 10 na àrea da imagem que envolve algumas zonas sensíveis como a Quinta da Atalaia ao centro da imagem, zona verde envolvente até ao Talaminho e terrenos do Amora Futebol Clube.

Na Amora há algum cepticismo em relação aos efeitos que o traçado da via alternativa á EN 10 trará , esta via está há três anos parada em Corroios pois como todos sabemos , o grupo Carrefour continua impedido de avançar com a construção de um hipermercado na Quinta da Princesa motivado pelo corte ilegal de sobreiros.

Quando avançar a tal obra irá cortar uma área patrimonial extremamente importante do ponto de vista ecológico e histórico na zona do Talaminho e depois tomará a direcção da Quinta da Atalaia, para onde se encaminhará também o Metro Sul do Tejo. Isso implicará também a alterações de monta na outra quinta contigua, primeira questão, vão estas quintas, uma delas propriedade do PCP, ver alterado no todo ou em parte o uso do solo e serem também urbanizadas?

A partir daqui (inclusivé) as coisas complicam-se ainda mais um pouco e começam a surgir uma série de condicionantes que só serão contornadas com a revisão do PDM ou com a aplicação de Planos de Pormenor ad-hoc para o local, na senda aliás do que está a acontecer nos terrenos das oficinas da Câmara e Laníficios da Arrentela , na Torre da Marinha.

A tal alternativa à EN 10 terminará depois de passar pela Atalaia, na rotunda do LIDL da Amora, a sua continuidade dependerá da mudança do posto de combustível que aliás nunca ali devia ter sido construído, paredes meias com uma escola. Mas logo à frente temos o campo nº 2 do Amora que inevitávelmente com este traçado, atravessará.

Segunda pergunta: Como consequência da premissa anterior poderiamos assistir à urbanização dos campos nº2 e nº3 e também do nº 1 do Amora Futebol Clube ? É que para isto acontecer teriamos também que ter deslocalizado o campo principal do Amora para a zona da antiga fábrica de explosivos, tudo isto implicando alterações de uso do solo em catadupa...(?)

Estamos a falar com tudo isto de quantos mais habitantes? De quantos mais fogos? Quem sairá beneficiado com a sucessão de mais valias ali geradas ?

E depois, face à situação económica do Amora, mas necessidade de construír um novo estádio (para o qual não tem dinheiro), vem o interesse da autarquia em avançar com a obra da estrada cujas promessas de conclusão de uma alternativa á EN10 remontam ao ultimo período eleitoral...

Será que alguém pode esclarecer tudo ísto? A população da Amora e os sócios do Amora F.C. têm ou não razões para andar preocupados?

Da forma exemplar que a Quinta da Atalaia vai ficar servida de vias de comunicação, não seria de pensar localizar aí o futuro Hospital do Seixal?

7 comentários:

ex-militante disse...

Investiguem a Atalaia e os interesses de um tal engenheiro na Amora.

Anónimo disse...

Engenheiro quem ? Um com nome de Tempo ?

amoroso disse...

Temporal, um verdadeiro furacão.

nunocavaco disse...

Podias-me dar o nome do Xico Francisco é que como conheces toda a população da Amora deves ter o número do meu camarada!

Não achas que deves ter um pouco mais de respeito pela "população da Amora"? Não sabes que para falar em nome da população precisas que ela te apoie?

Devias pensar melhor no que escreves e não ofenderes toda uma população.

Um abraço preocupado
Nuno Cavaco

O ex-militante deve ser um primo da Zita Seabra. Andou por cá, fez o que fez e depois, numa de "democrata" (que isto de ser democrata dá jeito de vez em quando) escreve um livro vergonhoso.

Uma pegunta que toda a gente deveria fazer:

Qual foi o verdadeiro motivo da saída do PCP da Zita Seabra?

$?$

Ponto Verde disse...

Xico-francisco, população da Amora...Zita Seabra... Caro Nuno Cavaco, hoje esteve um Sol forte , óoo se esteve, alterações climáticas à parte, há para aí alterações no discernimento...

Anónimo disse...

Fez o que fez ?

Verdadeiro motivo ?

$?$ ...?

Se abra Nuno, se abra...

Anónimo disse...

GOSTAVA DE DEIXAR AKI UM ABRAÇO AO sr. VALDEMAR PORTUGAL O "RUI COSTA" DO AMORA E PEÇO PERDÃO A TODOS OS BENFIQUISTAS POR ESTAR A USAR O NOME DE UM GRANDE SR. QUE TANTO DEU AO FUTEBOL.
É QUE ESTE VALDEMAR PORTUGAL PENSA QUE ESTÁ A JOGAR NA 3ª OU 2ª DIVISÃO NACIONAL. A REALIDADE DO AMORA É ESTA ESTÁ NO LUGAR QUE MERECE E MESMO ASSIM ESTOU A SER SIMPATICO PORQUE SE A FEDERAÇÃO TIVESSE AGIDO, À MUITO TEMPO QUE O AMORA JÁ NÃO EXISTIA. ESTE ANO ATÉ PODEM ESTAR A CUMPRIR COM OS ATLETAS QUE ESTÃO A REPRESENTAR O AMORA( A MAIORIA ESTÁ MORTINHA QUE A ÉPOCA ACABE PARA SE VEREM LIVRES NÃO DA INSTITUIÇÃO QUE O NOME MERECE ALGUM RESPEITO MAS SIM DE QUEM DIRIGE COMO É O EXEMPLO DO "RUI COSTA"