quinta-feira, outubro 19, 2006

O CHOQUE DA DÍVIDA












Esta manhã foi esclarecedora, engarrafados... nos percursos para Lisboa, fosse ele a 25 de Abril, fosse ele a Vasco da Gama, no entanto a TSF trouxe duas esclarecedoras noticias, a primeira foi uma esclarecedora lição de "Democracia" ; Que o PCP , se tivesse maioria no Parlamento metia essa figura desnecessária, de consulta democrática e popular, do Referendo ... na gaveta... pois já desconfiávamos (o referendo e muitas outras figuras democráticas completamente "desnecessárias"), mas nada melhor que pôr as coisas claras, obrigado Bernardino Soares e aquela senhora ... ah! Já sei! Odete Santos.

A outra noticia esclarecedora é que ontem me deitei , cidadão exemplar, contas saldadas, impostos pagos ... e veja-se lá, acordei devedor de anos em que andei a "pagar menos" pela conta da electricidade , apesar de pagar exactamente o que a empresa prestadora do serviço me pedia!!! Mas estou descansado que vou passar a pagar mais 15% ou coisa que o valha no futuro, nos proximos cinco anos, e de novo, me tornarei cidadão exemplar e sem as dividas que de repente contraí com a EDP.

Mas será que em vez de pagar em cinco anos, não poderei saldar toda essa "divida" de imediato, poupando nos juros de serviço dessa divida??? Uma resposta já tenho e foi dada pelo assiduo leitor António que para poupar na conta da dita cuja electricidade sugere:

Como Poupar nas contas da luz e contribuir para um melhor ambiente: Desligar as luzes sempre que não se está numa divisão, assim como a televisão ou a aparelhagem se não se está a usufruir destes equipamentos.

Substituir as lâmpadas incandescentes por lâmpadas fluorescentes compactas. Instalar um contador bi-horário que permite poupar quando se concentram alguns dos maiores consumos (como as lavagens de roupa e louça, a passagem de roupa a ferro, entre outros) nos períodos mais económicos. Verificar se é possível reduzir o nível de potência contratada. Na maioria dos casos é possível!!!

Calafetar bem as portas e janelas para reduzir as trocas de ar com o exterior, o que reduz as necessidades de aquecimento ou arrefecimento. Baixar estores ou fechar portadas antes da chamada hora de calor impede que a casa aqueça muito. Em relação ao frio, a instalação de vidros duplos nas janelas e a aplicação de um isolante térmico nas paredes e telhado ajuda a manter a casa mais quente.


Optar por electrodomésticos mais eficientes (classe de eficiência A).
Ao cozinhar, deve-se tapar bem os recipientes para evitar as perdas de calor. No forno, pode-se desligar o lume antes de terminar o cozinhado, já que a temperatura mantém-se por algum tempo. Reduzir o número de vezes que se abre a porta dos frigoríficos, pois 20 do cento do consumo destes equipamentos é devido às aberturas das portas. Ao fazer a descongelação dos alimentos dentro do frigorífico, transfere-se frio para o seu interior, reduzindo o trabalho de refrigeração deste electrodoméstico. Quanto mais cheio estiver, melhor. Não colocar alimentos quentes.

Ajustar a carga da máquina de lavar roupa à capacidade útil indicada pelo fabricante. Os filtros devem ser limpos regularmente e, com o aumento da eficácia dos detergentes, podem-se usar programas com temperaturas mais baixas.
O mesmo se aplica às máquinas de lavar louça.

Passar a louça por água antes de pôr na máquina permite escolher programas mais eficientes.
Os televisores, vídeos, DVD, etc., estão quase sempre em stand-by. (indicado por uma luzinha que aparece no aparelho) para poderem ser ligados apenas com o comando. Isso consome energia.

A solução é desligar todos os equipamentos das tomadas, ou, então, ligar os aparelhos a uma tomada eléctrica com interruptor, que consome 1 a 3 W, mas que é preferível ao consumo dos aparelhos que se ligarem a estas tomadas, que pode atingir os 75 W. (Equivale a 20€ de poupança por ano!!)

E já agora, acrescento eu, escolher um novo fornecedor de electricidade, agora que já é possível, de preferência um que não venha daqui a uns anos a cobrar pelo valor que supostamente cobrou a "menos" no presente...

3 comentários:

António disse...

No que respeita ao aborto acho chocante que alguns deputados tenham proposto que a decisão sobre este assunto fosse tomada pelo parlamento. Então á 4 anos tiveram que perguntar ao povo porque era um assunto fraturante da sociedade e que esta deveria ser auscultada e agora querem ser eles a decidir!? Seria um completo desrespeito pela sociedade e só mostra o quanto democratas eles são... quando o povo não decide de acordo com a sua vontade deixa de contar e decidem eles o assunto a seu belo prazer!

Eu, por princípio, sou contra o aborto, mas também sou contra a penalização das mulheres, porque não resolve em nada levar as pobres coitadas a tribunal... já chega o trauma porque passam! Ninguém duvide que por mais fria que uma mulher seja não sinta algum sofrimento por ter feito um aborto!! Mas não voto por protesto em como a discussão de um assunto tão sério se está a tornar... é ver alguns partidos a gladiarem-se e a tornarem isto numa espécie campanha eleitoral para ver quem vai ganhar... para que na noite da "eleição" virem mandar os foguetes de vencedores e dizerem: SOMOS VENCEDORES E ELES PERDEDORES! Na verdade ninguém ganha, todos perdemos porque se perde uma vida!!!

Um assunto destes que mexe com tanta coisa, desde convicções religiosas, valores de cada um e principalmente com a vida, pelo que merecia mais respeito assim como uma discussão séria sem espectáculo!!! Aja seriedade e respeito!!! Só faltará ver na noite do referendo o Marquês cheio de pessoas em festa!

A decisão de realizar um aborto deve ser decidida pelo casal ou mulher de acordo com os seus valores. Neste assunto não se deve impor os nossos valores aos outros!

Se votasse votaria a favor da despenalização!


P.S: Ponto Verde, as recomendações sobre como poupar energia foram tiradas do público, tendo eu apenas acrescentado um ponto! Peço desculpa por não ter referido este pormenor no post que coloquei!

Abraço

100smog lda. disse...

Este país pode disfarçar, camuflar, mentir, fingir, maquilhar....mas no fundo estamos cercados de broncos... O que pensará o famoso "estrangeiro" que por cá vai passando desta republica dos macacos??? alias macacos, girafas, chimpanzés e elefantes....Porque isto está uma selva!!! OU FUGIMOS TODOS DAQUI PARA FORA ou então não vejo outra solução! O sol ja se pós agora....há que pagar a LUZ

Ponto Verde disse...

De acordo, obrigado.