domingo, outubro 22, 2006

CIDADES VERDES - VANTAGENS COMPETITIVAS

















Imagem Paris

Continuando na apreciação de pequenos excertos do nº67 da revista National Geographic.

(...) Segundo artigos cientificos recentes, os espaços preenchidos por vegetação frondosa filtram a poluição e capturam partículas minúsculas de sujidade e fuligem: as árvores das ruas podem reduzir as partículas em suspensão libertadas pelos tubos de escape. As folhas das árvores também bloqueiam a luz solar, criando ilhas de arrefecimento na cidade. (...)

(...) os seres humanos tornam-se criaturas muito diferentes quando não têm acesso a relva e plantas . (...)

(...) Quanto mais verde o espaço circundante, mais baixa a taxa de crimes contra pessoas e bens...menos lixo e graffiti em paisagens naturais. (...)

(...) crianças com déficit de atenção registavam uma diminuição dos sintomas quando expostas a ambientes naturais(...).


(...) os espaços verdes têm um efeito restaurador sobre a nossa atenção reflexiva: o tipo de concentração intensa necessária para trabalhar ou estudar, para ignorar distracções e realizar tarefas. (...)

(...) No mundo contemporãneo, o contacto com a natureza em aspaços urbanos pode ser mais fundamental do que nunca. Uma metrópole com bstantes parques ajuda-nos a manter a saúde mental e a combater a obesidade e a diabetes(...).

(...) os seres humanos que vivem em zonas com fácil acesso a espaços verdes onde podem caminhar gozam de melhor saúde e a sua taxa de mortalidade é inferior à das pessoas sem esse acesso(...).

(...) alguns politicos afirmam que as suas cidades estão já construídas e não há espaço disponível para parques. No entanto... se uma cidade tem espaço para mais um edificio, também tem espaço para mais um parque (...).

(...) os parques urbanos representam um investimento público mínimo mas com um enorme retorno. «Os parques ajudam os seres humanos a tomar conta de si próprios.Talvez as cidades não tenham de gastar tanto em serviços sociais, médicos e de segurança para resolver os seus problemas» (...)
_____________________________________________

Videos sobre os jardins de Paris aqui Luxenbourg , aqui Tuilleries, aqui Boullevard Saint Michel , aqui Cluny , aqui novas utilizações urbanas,

3 comentários:

Luis Eme disse...

Não tenho qualquer dúvida de que as cidades verdes são mais saudáveis, em todos os sentidos.

valium disse...

Um caminho que faz sentido, o betão sem contenção nem sentido para além dos interesses económicos não tem sustentabilidade nem futuro.

antónio disse...

no Seixal, assim como no resto do país, continua a confundir-se cidade verde com parques "com um banquinho e uma arvore"!!!