quarta-feira, março 15, 2006

REVOLTANTE, CASSETES MAL GRAVADAS E O VALOR DE UMA VIDA OU UMA VIDA POR SEIS TOYOTAS


Na imagem a Ponte da Fraternidade no Seixal, em 1999 uma criança de quatro anos perdeu aqui a vida ao caír numa caixa de esgoto destapada, apareceu no dia seguinte, morto, na estação elevatória de esgoto a centenas de metros dalí, em Julho de 2005 o caso foi finalmente julgado, tendo o Tribunal condenado a autarquia a pagar uma indeminização de 250 mil euros (50 mil contos) aos pais da criança, tendo recorrido , repetido-se o julgamento em Abril próximo - esta semana a autarquia adquiriu seis veículos para uso dos seus vereadores por uma quantia idêntica...

Do Publico de hoje

"O julgamento do caso do rapaz de quatro anos que foi encontrado morto numa estação de esgotos na Arrentela em 1999, em que a Câmara do Seixal foi condenada a pagar uma indemnização de 250 mil euros, vai ser parcialmente repetido no início de Abril."
, na decisão está o recurso apresentado pela advogada da Câmara Municipal, condenada no processo como a noticia faz notar.

A data é curiosa, um novo julgamento em Abril , mês por cá invocado por tudo e por nada, mas que pelos lados do Seixal não tem como simbolo a humanidade, a solidariedade ou muito menos da assumpção de culpas decidida em Tribunal.

Este caso e com ele o sofrimento dos pais arrasta-se assim, desde 1999, já não bastava o congénito atrazo da justiça, agora a alegação da Câmara Condenada para a repetição do julgamento é de que "algumas das cassetes que conteriam o registo dos depoimentos prestados em audiência de julgamento não se encontram audíveis" o que "constitui uma irregularidade que cumpre reparar".

Pois, pena é que a vida de uma criança não possa ser assim, também regravável tudo seria bem mais simples... para todos os pais e cidadãos - excluindo óbviamente os Autarcas e sua advogada- é no mínimo revoltante uma atitude destas de quem foi já em tribunal considerado CULPADO , e a razão é no minimo surreal...umas cassetes mal gravadas... pelo lado humanitário do caso e por a prova e sentença não ter sido feita em base de "cassetes mal gravadas" mas daquilo que a técnica ou os homens não conseguiram ou não quizeram registar, a realidade dos factos e os testemunhos ouvidos de viva voz!

E como é fácil uma cassete ficar desgravada ou irremediávelmente danificado o seu conteudo...inadvertidanmente é claro!Uma tecnologia obsoleta na era do MP3 e do Compact Disc... aliás uma boa imagem da "justiça", um velho gravador de cassetes... vá lá que já se evoluiu alguma coisa depois da grafonola...

Por outro lado revolta que olhando para os ultimos posts, a Câmara se recuse a assumir uma culpa ressarcida em 50.000 contos, mas arranje todas as justificações para comprar carros novos para os vereadores (6) gastando alegremente o mesmo valor sem pestanejar, sem recurso nem apelo!

Temos então que a autarquia do Seixal considera que a compensação pela perda da vida de uma criança falecida pela sua incúria provada em tribunal valerá menos que 6 Toyota Prius, enquanto ao mesmo tempo compra alegremente meia duzia, para desfrute de alguns dos seus vereadores!

10 comentários:

Manuel Reis Pires disse...

Para o ponto verde vale toda a demagogia. Isto é mais um exemplo. Utilizar-se a morte de uma criança para ataques politicos apenas demonstra que para o ponto verde a vida humana não tem qualquer dignidade, que a ética é palavra que não conhece e que a dignidade é uma palavra que ele não sabe o sentido.
E depois vem dizer que os comunistas são malfeitores! Ao pé do Ponto Verde, o Alfredo não passa de um menino de coro.

Anónimo disse...

Começo a ficar preocupado, há dois posts atrás os carros tinham custado 40.000 contos, neste post passaram para 50.000 contos. Acho que até ao final da semana o ponto verde vai aumentar os valores dos mesmos para 100.000 contos. Meu deus onde é que isto vai parar!

Martin Salvador disse...

-Não foi o autor do blogue que foi condenado em tribumal por incúria!

- Não foi o autor do blogue que que recorreu da sentença , nem que negou aos pais da criança a "justa" indeminização!

- Não foi o autor do blogue que está a obrigar os pais da criança a este interminável calvário!

Já agora acusem todos os jornalistas, todos os jornais, as televisões por noticiarem um facto que envergonha os portugueses, os autarcas e a justiça!

Dignidade não faz de facto sentido na Câmara do Seixal, tal como o respeito pela dor e perda de uma vida humana!

Este senhor que acima se acina é uma prova da demência , do descartar de responsabilidades, da cegueira desta gente. Mate-se o Mensageiro!!! Que dá voz à revolta e à dor dos pais desta criança!

Anónimo disse...

UM NOJO ESSA AUTARQUIA!

Anónimo disse...

Se isto é verdade e deve ser, ainda vou tentar ver o Publico ao café cá da terra que o site é reservado,isto é mesmo vergonhoso.

Anónimo disse...

Basta um iman... para desgravar as casetes...

AV disse...

Também vamos tratar dos grafitos pelas nossas bandas no alhosvedrosaopoder.blogspot.com.

AV1

Anónimo disse...

Isto não é politica,é uma vergonha!! E os comunistas, como diz, não são malfeitores! O seu comentario demonstra exactamente o tipo de escumalha que se infiltrou no PCP para explorar o povo que ainda acredita nos seus "ideiais" cegamente!!
Voces tem os dias contados,Sr. Manuel Reis, e por muito mau que seja, ainda se vive num regime democratico em Portugal!

Anónimo disse...

Sr Manuel Reis, e se fosse um filho seu, tb era demagogia?? Coloque-se no papel dakeles pais que viram o filho morrer dentro de um esgoto e ai teve algumas horas... imagine o sofrimento daquela criança!
Tenha a Coragem de dizer q a câmara agiu mal!

António

Anónimo disse...

Falando em carros... (topo de gama)alguém sabe que misterioso carro é aquele que fica de noite na arrecadação da estação elevatória junto ao antigo matadouro?? È da Câmara ou é da Região de Turismo da Costa Azul???