segunda-feira, outubro 24, 2005

NÃO HÁ DUAS SEM TRÊS













E Nada Mudou...na imagem, mais de dez anos depois finalmente construiu-se um acesso de peões entre o Fogueteiro e o Continente (imagem) , o ferro-velho ali ao lado mantém-se...para além dos recém eleitos e dos que não perderam os seus cargos politicos, pouco entusiasmo se vê no Seixal em torno de mais um mandato da CDU

Comentámos aqui em 14/10/05 e 13/10/05 (clique nas datas!) em que os recursos apresentados pela oposição , acusando irregularidades várias no processo eleitoral autárquico seria bom que estivessem bem argumentados e tivessem pernas para andar ( pois que há muito que alguns alegam da hipotese de irregularidades nas eleições neste concelho) , pois que se tal não acontescesse seria o descrédito para a própria oposição e uma forma de não mais terem credibilidade ao alegarem futuras irregularidades, quer em actos eleitorais, quer na gestão da própria autarquia. Aqui traçámos a descontento de muitos- pelos e-mail's recebidos- um paralelo com a história do "Pedro e do Lobo".

Por outro lado , a não conseguirem provar os factos, alegámos que a "maioria" eleita sairia mais fortalecida deste processo e passaria um atestado de incompetência à oposição.

Esqueci-me de prever uma terceira hipótese, a dos tribunais , ou não funcionarem em tempo util, ou a sua capacidade de alegarem falhas processuais nas queixas apresentadas e com isso fazerem que a montanha parisse afinal um rato e se mantivesse a duvida. O que foi o que aconteceu.

Primeiro tivemos o Bloco de Esquerda a desistir do recurso apresentado ao Tribunal Constitucional por alegadamente ter "faltado um (protesto) contra uma decisão do juiz que condenaria ao insucesso o recurso", depois foi a vez do Tribunal Constitucional não admitir o recurso do PS do Seixal por este ter entrado "fora do prazo legal", um recurso que pedia a recontagem de todos os votos, e a repetição do acto eleitoral nas mesas onde faltaram os boletins de voto nulos. Foi agora a vez de o PDS por razões idênticas, não ter visto também o seu recurso aceite pelo mesmo tribunal , o PSD defendia , recorde-se, a recontagem e verificação dos votos válidos, a análise dos cadernos eleitorais e o apuramento de responsabilidades no que se refere à reabertura de um saco selado em Fernão Ferro.

O que se conclui de tudo isto? Qual a leitura que o eleitor e o cidadão colheu?

-Que a justiça mais uma vez não funcionou, escudando-se atrás do processo burocrático?
- Que é possivel que - afinal para além do alegado há muito pela voxpopuli - irregularidades tenham havido, no processo eleitoral , pelo menos os que deram origem a esta "trapalhada", legitimo será também pensar, que se foi detectado neste acto eleitoral, não terá acontecido a outros no passado???
- Que a legitimidade de quem foi eleito saíu fragilizada pela desconfiança criada?
- Que a oposição também ela saíu fragilizada ao não ter sido dado seguimento dos seus recursos por não terem apresentado dentro dos prazos legais os respectivos processos?

Acima de tudo sai fragilizada a Democracia , a credibilidade nos Politicos e nos resultados eleitorais!

- Belo trabalho!!! Já não bastava a farsa ambiental da CDU, que não tem elementos ditos "verdes" ,para a lista da Câmara e praticamente são... não existentes nas outras!!!


7 comentários:

NP disse...

Correndo o risco de me desviar daquilo que é o assunto escrito deste post, queria cedntrar-me no assunto fotográfico do post.

É notória a falta de qualificação dos espaços públicos deste concelho, tirando a beira da estrada nacional 10, a zona de jardins e pouco mais.
A imagem que aqui deixou fica perto da minha casa e como esta há mais em todo o concelho.

Grande parte das imagens próximas destas são nítidos descuidos e incúrias dos proprietários e um deixa andar da autarquia, que para a lém de recolher os impostos das pessoas deveria também criar campanhas de sensiblização para a manutenção e qualificação dos espaços urbanos.

Às tantas fica a noção que esse tipo de políticas não interessa, dão trabalho, não dão votos e só dão chatices com os proprietários, que até não vêm nenhum problema em ter uma pilha de entulho, lixo ou ferro velho junto às estradas, mas é também para terem esses problemas e preocupações que os autarcas são eleitos.

Já agora um pedido de esclarecimento que fica para os "profissionais" visitantes deste blog: não era já suposto estar a funcionar um parque para sucatas no nosso concelho ? Creio que já vi essa informação 3 ou 4 vezes anunciada nos órgãos próprios, mas não tenho conhecimento que já esteja a funcionar.

Maria disse...

Um mês antes das próximas eleições autárquicas será inaugurado o parque para a sucata. Espero que 30 anos desta política também se instale nessa sucataria.

Que Deus nos acuda!

Anónimo disse...

A Justiça é que sai a perder em tudo isto, o PS e PSD não queriam ganhar, com a campanha que fizeram e os candidatos que apresentaram. Mas bem que podiam ter tirado um deputado à CDU para o BE, isso é pena que não tenha sido conseguido. Mas foi por pouco!

Raposo

Anónimo disse...

quem disse que já transitou o recurso no tribunal constitucional? espero que nao tenham destruido ja os boletins de votos e que os mesmos ainda possam estar á disposiçao do tribunal, caso se entenda dar provimento ao recurso.

Geosapiens disse...

...isto só muda...quando houver uma região estado...e esta não tiver autoridade sobre o ambiente...mas a União Europeia...que seria demasiado acima para se deixar pressionar por dislates deste tipo...um abraço...

André Santos disse...

Por falar em sucata queria perguntar-vos uma coisa: o nome "Gilica" diz-vos alguma coisa?

Fogueteiro Powa...

Cumprimentos

Alfred E. Neuman disse...

É muito giro estar a levantar suspeitas não é? Mandar umas bocas para o ar etc. e tal...
Só é pena que depois se esqueça que nas mesas está gente de todos os partidos. Só é pena que se esqueça que além disso todos os partidos podem e devem nomear delegados para as mesmas. Só é pena que se esqueça que a Assembleia de Apuramento Geral considerou como não fundamentados os requerimentos de recontagem de todo os votos, efectuados pelo PSD, PS e BE.
Só é pena que se ignore que as situações a que alguns se apegam para falar em suspeitas ocorrem por todo o país, pois são fruto dos erros naturais de quem está nas mesas.
Só é pena que os jornalistas que noticiam estas coisas são tão competentes que falem em aberturas de sacos selados, quando são os envelopes com os votos que são selados.

Mas claro, isto agora não interessa nada e para o ponto verde tudo é válido para falar mal da CDU.. mesmo quando não tem razão.