quinta-feira, fevereiro 21, 2008

PÓS E FAZ-DE-CONTAS




No início desta semana , dois debates televisivos foram reveladores das limitações confrangedo
ras dos nossos politicos locais face à realidade no terreno .

O primeiro, no domingo , foi o oportunissímo "Depois do Adeus" que recordou as cheias de 1967 , nesse programa alertou-se para as causas que desembocaram nas consequências abafadas por uma ditadura que escamoteava e escondia a verdade e que transpôs para a Democracia a falsa realidade de que contrariando alguns técnicos e politicos, como Helena Roseta e Gonçalo Ribeiro Telles , tudo está bem planeado e construído .

Escassas horas passadas algumas vítimas e uma noite (essa noite) de chuva, desmascararam as fragilidades dessa "verdade" construída para consumo eleitoral mas diametralmente oposta da realidade.

O segundo debate foi o "Prós e Contras" da passada segunda feira onde se debateu a terceira travessia sobre o Tejo, o novo aeroporto e como não podia deixar de ser os acontecimentos dessa madrugada.


Mais uma vez os politicos presentes escamotearam a realidade e mentiram em directo para milhões de portugueses , a presidente de Câmara de Almada veio com o argumento do aquecimento global e com os gases de efeito de estufa , que agora servem para desculpabilizar tudo e todos e com os acontecimentos idênticos que acontecem "por todo o mundo"...

E depois lá tivemos um presidente da Associação de Municípios de Setubal, Alfredo Monteiro, ele próprio, a desculpar-se primeiro com o construído antes do 25 de Abril (a par do aquecimento global também serve para desculpar tudo) e depois com os Planos Directores Municipais de Primeira Geração.

O que foi pena é que os Prós e os Contras não estivessem bem defidos e tivesse havido demasiado unanimismo sem contraponto ao cenário idilico e vitimizador dos autarcas da Margem Sul, agora armados em ambientalistas " Arrábida a Património da Humanidade" o slogan bonito com que Alfredo Monteiro encerrou o programa e que teve de meter a todo o custo...



Quem vive por Esta Banda ou está minimamente informado, sabe que Alfredo Monteiro em representação de todos os outros autarcas... mentiu perante milhões !

Mentiu ao dizer que o problema era de um antes do 25 de Abril onde residiam no Seixal 30 mil habitantes que nos últimas décadas e sob a vigência da CDU se transformaram em 170 mil... com muitas das infraestruturas criadas ou herdadas de antes do 25 de Abril...


O Senhor autarca do Seixal mentiu também no cenário idilico de "desenvolvimento sustentável" que pintou , mentiu ao desresponsabilizar-se da autoria e da implementação de um PDM de 1ª geração, e mentiu ao fazer crer que a revisão dos PDM (transformados agora em PDM de 2ª geração) vai limitar o betão, reorganizar e reordenar o espaço e emendar erros.


Alfredo Monteiro mentiu também quando tentou fazer passar a imagem de uma Democracia participada e participativa na Margem Sul esquecendo-se de dizer que a maioria das instituições , cidadãos e organizações são , ou criadas para o efeito pelo PCP ou por si orquestradas , controladas ou dependentes das autarquias e do Partido , quer financeiramente quer em termos de liderança e gestão.

Esqueceu-se de dizer que nessa sua "democracia participada" as vozes contrárias à corrente são ignoradas e ridicularizadas....


É pena que uma noite de chuva não dê para pôr a nu o cenário inventado neste "Prós e Contras" como a chuvada que desmascarou o cenário que outros inventaram no programa sobre as cheias.

Continua a ser confrangedora, é a disfarçatez com que os eleitos locais continuam a "inventar" perante o País, uma Margem Sul que só existe no imaginário que pretendem passar e nos slogans vazios com que nos enchem os dias.

_______________________________________________________

NOTA FINAL : "ARRÁBIDA A PATRIMÓNIO NATURAL DA HUMANIDADE ! "

Subscrevo o mais possível ! Contem comigo para as manifestações a exigir o encerramento da SECIL e das Pedreiras da Arrábida ! E pare-se com a construção na Serra e arredores ! Ah....isso não está incluído nas ideias da CDU ???

Ah OK! Não passa de uma brincadeira... e eu que pensei que era a sério!!!

________________________________________________________

ULTIMA HORA


Um exemplo da incoerência ambiental do senhor Alfredo Monteiro no blogue Revolta das Laranjas (clique)

21 comentários:

João Afonso disse...

Aqui se há alguém que é mentiroso é o ponto verde! O seu problema é que só consegue mentir perante as poucas pessoas que ainda visitam este "pasquim"... Já agora senhor Ponto Verde acusou publicamente o executivo camarário de fazer publicidade encoberta sobre o Seixal como destino turístico... O ponto verde disse as maiores cretinices sobre esse assunto... E agora provado que está que a Câmara não teve nada a ver com esses outdors não acha que deve um pedido de desculpas? Ou pelo menos um assumir que errou? E que mais uma vez você falou sobre aquilo que não sabe e por isso disse asneiras e acusou pessoas imputando-lhe descaradas mentiras? Ou será que mais uma vez o senhor vai continuar a pensar que no alto do pedestal do anonimato tudo lhe é permitido? Passe bem!

maria cardoso disse...

E o mais irónico de tudo é que os locais que foram falados, mostrados nas reportagens, foram precisamente os mais afectados.Por isso não se pode dizer que não estavam avisados.

carla disse...

Exacto medidas, onde anda a protecçao civil? e as camaras de Setubal? para receberem o dinheiro do IMI estao sempre prontos, para onde vai esse dinheiro dos contribuintes? para quando investigaçao aos cargos politicos? responsabilidades? O povo tem que se revoltar mas nao com cravos.

Anónimo disse...

Ò Afonso, o mentiroso Monteiro noutro Prós e Contras disse que os flamingos tinham voltado à Baía porque já não havia esgotos a ser despejados nela.

Anónimo disse...

Aqui se há alguém que é mentiroso é o ponto verde! O seu problema é que só consegue mentir perante as poucas pessoas que ainda visitam este "pasquim"

Ólhe que não João Afonso, Olhe que não:

http://weblog.com.pt/portal/blogometro/index2.php?pag=listab

Quintanilha disse...

Uma habitante do concelho de Loures, por acaso de gestão socialista, declarou na TV que: "eles não limpam nada". Palavras dela, não minhas. Noutras terras é o mesmo. Por acaso é frequente ver os serviços das câmaras a limparem e a desentupirem esgotos e sargetas, antes da época das chuvas? Que eu dê por isso, muito raramente! A presidente da câmara de Setúbal ofendeu-se com as palavras do minstro, ela que gere uma câmara que é um autêntico caos, um caso de má gestão de falta de higiene. Actualmente conheço poucas terras mais sujas do que Setúbal! Deveria ter vergonha e fazer o que lhe compete em vez de estar mais preocupada em fazer oposição às políticas do governo que foi eleito com maioria asoluta. Ela que nem sequer eleita foi, herdou a câmara das mãos do Comité Central do PCP que pôs a andar o presidente que os setubalenses tinham escolhido! Haja decoro. O ministro tem razão!

Anónimo disse...

mrTambém vi o programa de Domingo, da Maria Elisa, e posteriormente o de segunda-feira. Neste post, conseguiu transcrever exactamente o que senti, ao ver os dois programas, sinto-me feliz por não ter sido a única e, já pensava que não iria fazer nenhum comentário ao que aconteceu mas, aqui está ele!
No programa "prós & contras" o discurso da Presidente da Câmara de Almada e do Presidente da Câmara do Seixal foi muito vergonhoso. Quem vive aqui, sabe perfeitamente que as decisões urbanísticas são tudo menos sustentáveis. A desculpa dos PDM de primeira geração e das alterações climáticas são desculpas estúpidas, ou será que estes governantes não sabem escolher a melhor opção: se o PDM permite construir em leito de cheia, os Sr´s sabem que não o devem fazer, mas como um documento permite, eles constroem; se sabem que com o fenómeno das alterações climáticas poderão existir situações climáticas extremas, porque não previnem as consequências para as populações? Se não o fazem, logo são Estúpidos.
Em relação ao Seixal, que melhor conheço, embora Almada tenha construído em REN e RAN (atenção, elas existem por alguma coisa é: o Arq.º Ribeiro Telles deveria já ter uma estátua, como este Senhor ainda antes do 25 de Abril já dizia que não se podia construir em leito de cheia, e como agora, passados mais de 30 anos, esses avisos são ignorados… gente estúpida os nossos governantes - independentemente do partido), presentemente, existem urbanizações e construções de infraestruturas previstas para “amortecedores de tempestade” e para leito de cheia… não se compreende.. têm conhecimento mas mesmo assim dão autorização para construção (ai os €€€€€!!!! – são prioridade em relação à qualidade de vida e segurança das populações)…
Estes dois concelhos nem têm mais de 50% do seu terreno impermeabilizado!, nem ultimamente têm cimentado as valas de drenagem nem as subterrado.!.nem preservam as zonas de infiltração máxima! (para quê?)
O Sr. José Afonso está de acordo com as politicas de sustentabilidade destes concelhos.. pois é se calhar já cá não estará para ver as consequências catastróficas destas decisões… mas quem estiver rogará pragas aos decisores e apoiantes deste “Planeamento urbanístico sustentável”.

Só não vê quem não quer…
Ana S.

LB disse...

Oh senhor João Afonso, mas como é que em 30 anos de governação de camâra por uma mesma entidade (e mais uma vez eu alerto que estou-me nas tintas se é cdu ou se é ps ou psd), se pode vir dizer que isto está bem! e que o que está mal é culpa do Salazar, ou do governo central???
Não há pachorra para esse argumento face a pessoas que estão há 30 anos à frente dos destinos de um concelho... Mas será possível que o que está mal é culpa dos outros e só o que é bom é que é mérito nosso? Tenham juízo!
O Bush utiliza o mesmo argumento para defender a não existência de políticas que façam face ao problema do aquecimento global, e quer-me parecer que o Bush não estará no top das suas preferências sr. João Afonso! De vez em quando há que reconhecer os nossos erros... isso chama-se crescer intelectualmente! ninguém é infalível e as culpas não são sempre dos outros porque em última análise são do São Pedro que não tinha nada que abrir as torneiras...

Anónimo disse...

O Senhor é sem dúvida alguem remunerado pela cms...

M.C. disse...

Também eu, como você e milhões de portugueses, tive a oportunidade de ver o senhor Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara Municipal de Loures e responsável máximo pelo Serviço Municipal de Protecção Civil, António Baldo, proferir aquelas palavras – pejadas de arrogância e desfaçatez – no programa “E Depois do Adeus”, de Maria Elisa. (...) Arrogância, prepotência, desprezo, indiferença perante o comum dos mortais, sobranceria face a todos os que o rodeiam. As suas palavras mais não mostram que a sua verdadeira personalidade.

Anónimo disse...

"VAMOS A VER"

foi o que eu disse ontem no programa da Maria Elisa sobre as cheias na RTP1 ao responsável da Protecção Civil de Loures, que assegurava que a construção de uma nova ponte em Loures tinha acabado com os problemas das cheias e me acusava de desconhecer a actual situação do concelho. Viu-se para infelicidade de muita gente em Loures. A chuva respondeu ao senhor responsável da Protecção Civil pelo que talvez seja bom que alguma explicação seja dada por quem tão bem conhece o concelho cuja segurança é suposto garantir. Já passou um dia sem que este responsável, que também é ou foi Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara, esclareça o que aconteceu e como pôde dizer o que disse. A correspondência e as informações que recebo de Loures contam uma longa história de incúria, indiferença e arrogância, tão bem retratadas nessa atitude.

Pacheco Pereira in Abrupto

J. disse...

O que se passa em Loures ou na Margem Norte não é para aqui chamado, querem comparar o Seixal ou Almada com Queluz os o Cacém ?
A margem esquerda é um exemplo para o país, tomara que o país fosse todo assim.
Só a má língua e o despeito do ponto verde e quejandos é que não vê isso.
A CDU continua a dar cartas no desenvolvimento e no progresso e não tem quem lhe faça sombra.
A prestação dos autarcas na televisão foi brilhante só um cego é que não vê isso .

Anónimo disse...

Os erros cometidos na margem norte como aquele que agora se passa em odivelas, foram cometidos com câmaras CDU na altura no poder....

irra que incompetentes

Anónimo disse...

O comunismo no seu melhor:

- http://hekate-hkt.blogspot.com/2008/02/um-filme-para-celebrar-o-direito-memria.html


É isto que o senhor joão gosta

LB disse...

j. é diferente?
A Cruz de Pau é diferente de Massamá? Corroios tem uma organização espacial que dá cartas face a Odivelas???
Mas em que mundo vivem V. Exas?

contra as mentiras do ponto mentiroso disse...

Força João Afonso, és dos poucos que aqui vem dizer a verdade, este é um pasquim de mentiras encomendadas apenas para atacar a CDU. Toda a gente sabe para quem o ponto mentiroso trabalha. Felizmente tirado meia dúzia de idiotas mais ninguém acredita nesta merda de pasquim.

ex-militante disse...

...é um "pasquim" com muito crédito e que traz aqui informação que não vem no PASQUIM MUNICIPAL , e que incomoda bué da people!

Anónimo disse...

Olhá D Emilia, a mãe da_________ que tem vergonha de ter tido a filha a estudar no Diocesano Frei Luís de Sousa e que mudou a prole para o público durante o PREC . Foi do aquecimento Local certamente.

Velas do Tejo disse...

Sobre património: peço a vossa atenção para o último artigo do blogue Baía do Seixal com link para o último trabalho da Antena 1 sobre o estaleiro da quinta da Fidalga e análise do discurso do vereador Jorge Silva.

Da audição deste brilhante trabalho jornalístico de destacar as qualidade das intervenções da DrªCatarina Tavares, Drº Paulo Edson Cunha, Drº Samuel Cruz e as afirmações do vereador Jorge Silva.

Anónimo disse...

O ex-militante deve ter muita azia, esta bosta online não incomoda ninguém, serve é pra rir.

Anónimo disse...

Que belo lixo de blog..
Deve ser para servir os ps´s e os psd´s do costume, é o anti-comunismo primário e abjecto, a ignorância e pobreza de espírito total..
Continue porque gosto sempre de me rir quando venho à net..
CDU SEMPRE!!!