quinta-feira, agosto 21, 2008

ECOLOGIA LABORAL



Os procedimentos antidemocráticos internos nas autarquias a Sul do Tejo continuam.


Em Setúbal, continuamos sem saber porque razão um Presidente de Câmara democráticamente eleito , Carlos Sousa foi substituído pelo partido pelo qual concorreu , continuamos sem saber porque razão outro eleito , o vereador do Urbanismo foi também ele substítuido na mesma altura , e porque razão foi integrado meses depois nos quadros da Câmara do Seixal.

O que continua a ser claro é que a Câmara de Setúbal não parece ser um bom local de trabalho.

Depois da muitas reformas ¨compulsivas¨ do tempo de Carlos Sousa, temos agora a podera
ção de os trabalhadores recorrerem à greve de fome como forma de protesto à perseguição de que alegadamente são alvo , queixando-se os trabalhadores de ¨terrorismo psicológico¨ e da imposição de outras limitações de ordem civíca e politica.

Nada mau para uma autarquia gerida por uma for
ça politica , o PCP , sempre tão interventiva na suposta defesa dos direitos dos trabalhadores... já conhecíamos a hipocrisia ambiental do PCP na sua vertente ¨Verde¨ agora já a conhecemos também enquanto ¨patrão¨ ...

PROTESTE pela qualidade de vida e pela democracia que lhe negam ter . Não se abstenha nas próximas eleicões !

8 comentários:

nunocavaco disse...

Pensava que não podia piorar, mas enganei-me!

Parabéns, espero é que não acredite naquilo que escreve.

Ponto Verde disse...

Desculpe, qual a parte em que não devo acreditar ?

a) Carlos Sousa, eleito, foi saneado pelo partido e substituído pela não eleita Maria.

b) Aranha Figueiredo , foi saneado pelo partido e colocado pelo partido num lugar bem pago,na Câmara do Seixal, meses depois.

c) houve um número anormal re reformas compulsivas durante a gestão de Carlos Sousa.

d) Há um clima laboral de alguma crispação da Câmara de Setúbal que leva alguns trabalhadores a ponderar entrar em Grave de Fome.

e) O senhor Nuno Cavaco está a preparar uma presença de destaque nas listas do PCP/CDU nas próximas eleições autárquicas.

Diga-me então em qual dos FACTOS não devo acreditar. É que já me fartei de o senhor , me chamar mentiroso .

nunocavaco disse...

Ponto verde, eu não fujo nem invento nada, por isso deve acreditar em tudo, tudo, até em reformas compulsivas (que não foram provadas, mas investigadas), tal como no PDM da Moita cheio de ilegalidades (claro, não provadas).

É tudo isto. Há anos que oiço e leio que o PCP é só ilegalidades e etc, e vejo que nada é provado.

Mas se acredita nisso, esteja à vontade.

Quanto à minha inclusão numa lista: Você não conhece o PCP e nem conhece a Moita, a Baixa da banheira, por isso não diga asneiras. Aliás eu já tenho uma presença de destaque, sou vogal do ambiente da Junta de Freguesia da Baixa da Banheira, e tenho orgulho nisso, se amanhã for da Assembleia de Freguesia terei o mesmo orgulho e trabalharei da mesma forma, tal e qual e mesmo se não integrar lista nenhuma. Quem me conhece sabe que isto é verdade.

Por isso, mude de tema, a mim não me cala, nem você, nem ninguém. Vou continuar a defender o PCP e as autarquias geridas por este partido e a denunciar as vossas mentiras. Faziam melhor em pensar, arranjar estratégias de desenvolvimento. Mas não, continuam no bota abaixo e no ataque fácil.

Anónimo disse...

O Taxismo no seu melhor :

«Aliás eu já tenho uma presença de destaque, sou vogal do ambiente da Junta de Freguesia da Baixa da Banheira, e tenho orgulho nisso, se amanhã for da Assembleia de Freguesia terei o mesmo orgulho e trabalharei da mesma forma, tal e qual e mesmo se não integrar lista nenhuma. Quem me conhece sabe que isto é verdade.»

Trabalhadores da Câmara de Setúbal uni-vos contra esta gente!

Anónimo disse...

E não é só os trabalhadores da Câmara de setubal que se devem unir também os trabalhadores da camara do seixal se devem unir para correr de lá com a CDU porque também na camara do seixal à muito sofrimento nos trabalhadores por causa da gestão comunista.

Anónimo disse...

É isso, a malta acredita, tal como no Barreiro não é?

Com o PS é que era bom, policia de choque e outras brincadeiras. Podias fugir à frente do canhão de água, levar uma bala de borracha pelos cornos.

Tudo bom.

Nuno Cavaco, um conselho, tu és trabalhador e honesto, não venhas aqui que esta gente só quer achincalhar.

ex-militante disse...

O Camarada Cavaco vem sempre com a história do "não se ter provado", pois como o Camarada sabe há uma politica interna de encobrimento que a menos que se quebre a cadeia, nada sai cá para fora, o que não é a mesma coisa que legalidade.
O último comentário é o de quem não tem argumentos e quer é mudar de assunto.

Anónimo disse...

Mas esta gente "PC" ainda existe?