sábado, março 15, 2008

...A OBRA NASCE (?) ...




















Há projectos recorrentes por toda a Margem Sul que se anunciam quase sempre nesta fase do ciclo eleitoral e que depois se esquecem ou se inventam mil e uma desculpas para não serem concretizados. Ainda há dias apresentámos aqui três exemplos de obras fundamentais, básicas, prometidas mas interrompidas há vários anos.

Um dos projectos recorrentemente apresentados tem sido, no Seixal, para além das Marinas , o Museu-Oficina de Artes de Cargaleiro .

Mais uma vez tal obra é anunciada , com pompa , circunstân
cia e o traço de Siza Vieira.

Aguardemos pela apresentação do projecto que vai ser página de abertura do próximo Boletim Municipal , palco de discursos de circunstância e uma forma de vermos a elite cultural do Seixal, o Vereador Silva, a Vereadora Corália, o Presidente Alfredo... para avaliar o que se pretende com a obra, e o espólio que vai alojar , sabendo-se que a obra de Cargaleiro é multidisciplinar e multifacetada ... e que um projecto de Siza é sempre mais um marco cultural ...

Esta opção da Quinta da Fidalga no entanto deixa temer o pior para o espaço da Fábrica de Lanifícios da Arrentela
e para a sua recuperação e reconversão...mas aguardemos a apresentação do projecto .

Relembro que este não é o primeiro ou único Museu Cargaleiro , uma vez que em Vietri Sur Mari , província de Salerno , Itália , existe já um
Museu Manuel Cargaleiro (nas imagens) instalado face ao Mediterrâneo num edifício de traça tradicional recuperado para o efeito.

__________________________________________________

DESTAQUE


Vem de Sines e é um espaço que se recomenda


2 comentários:

ana lima disse...

Porque não um Museu Cargaleiro mas numa Fábrica dos Lanifícios da Arrentela, recuperada pelo Arquitecto Siza?

Velas do Tejo disse...

Esta é mais uma notícia que, daqui a 5 anos, estará a ser analisada nos tesourinhos deprimentes.