terça-feira, outubro 09, 2007

METRO SOB O TEJO - O OVO DE EMILIA



Apesar da forma como abordámos a reconversão da Lisnave e dos exemplos sérios que fomos buscar à Europa e aos Estados Unidos, gostaria que ficasse claro que considero que o projecto apresentado não é sério e tem outros fins.

Não estou a desconsiderar o arquitecto autor do projecto nem em quem nele trabalhou, simplesmente não considero que a sua concrertização seja o objectivo primordial , tal como a execução das propostas apresentadas.

A apresentação resumir-se-á a um puro acto de gestão politica e de lançar o mote para a campanha para as próximas eleições, e ao mesmo tempo servir de cortina de fumo numa fuga para a frente em relação ás promessas não cumpridas pela CDU em mais quatro anos de gestão danosa de Almada.

A caricatura da proposta de um metro a atravessar o Tejo pela autarca que fez primeiro uma bandeira do Metro Sul do Tejo e depois todos os obstáculos tem criado á sua execução é um exemplo claro e presente, ao mesmo tempo que a Dona Emilia defente um metro sob-o Tejo não foi capaz de fazer o mesmo no atravessamento da avenida que une o Centro Sul a Almada , tendo optado pela indescritivel solução em execução à vista de todos em que temos um Metro a fazer parar o trânsito para atravessar a artéria de maior movimento de Almada, mas pior , isto acontece por opção da autarquia não em um, mas em dois pontos distintos...irreal ?

Não, apenas gestão e a propaganda CDU no seu melhor.
O que está a acontecer agora com a questão da Lisnave é tão somente a necessidade de se colocar à frente do pelotão na reconversão das mega-zonas industriais da margem sul (Siderurgia e Quimiparque) , e ao mesmo tempo ter o efeito Parque Mayer / Frank Ghery na eleição de Santana Lopes em Lisboa.

E depois de muitos estudos sobre mobilidade entre a Capital e a Margem Sul, todos se vergam à verdade de La Palisse trazida por um arquitecto estrangeiro sobre a ligação por metro a Lisboa...francamente!

- Saloios!!!

______________________________________________________
Curiosidade!

- Voltaram as ameaças veladas ou directas de processos judiciais contra o A-Sul , voltaram também os comentários sobre a questão do anonimato, voltaram ainda a retirar o A-Sul da lista Weblog , parece que há quem esteja incomodado com a posição cimeira que ocupamos na listagem dos blogues mais lidos...o caricato é que não fomos nós que lá nos colocámos para sermos escrutinados, mas parece que causámos algumas más digestões.

12 comentários:

Caparicano disse...

O Concelho de Almada está estragado e não se antevê arranjo possível. Inacreditável como num Concelho com um potencial interminável ao nível empresarial e turístico, se vê arrastado num marasmo de mais de 30 anos de política autárquica regida pelo dinheiro e pelo dinheiro.

Alguém duvida que a D. Emília gere a C.M. Almada ao sabor do IMI pago pelos contribuintes e das contrapartidas negociadas com os investidores ?? A política é construír construír e construír habitação pra aumentar a receita de IMI, e simultaneamente rejeitar todo e qualquer licenciamento de projectos que não cubra as somas astronómicas pedidas de contrapartida pela autarquia. Seja bom ou mau projecto, irrelevante !!! Interessa é colocar o outdoor a gabar as boas contas da C.M. Almada.

Olhem para o Montijo e vejam o exemplo de uma cidade bem pensada. Ah, e com boas finanças.

Barra disse...

No Montijo crescem prédios como cogumelos... não é muito bem pensado já que se está a tornar bastante denso. Por outro lado há edifícios cuja qualidade é duvidosa, sendo que outros até são esteticamente agradáveis.

De acordo com o túnel sobre o tejo... é compará-lo aos metros (não chega a 1 km) de túnel que deu problemas no terreiro do paço...

Essa grande obra (grande pelo tempo ) interminável (tal como a CRIL). O certo é que a CML está a começar a ver as obras de saco azul a acabar... (Metro Terreiro do Paço, Eixo Norte Sul, Túnel do Marques) e decide então direccionar-se para uma solução disparatada para estar uns 20 anos a ser construída.

Existem outras prioridades, tais como a TTT e o túnel da Trafaria para Algés, concluindo assim o IC32 anel de Coina. Falemos em MOBILIDADE a curto prazo e não a daqui a 20 anos...

O MST poderá ir pelo túnel da trafaria, pondo assim de parte a extensão do MLisboa a Cacilhas.

branco é...a galinha o põe. . . . . . . . . . . . . . ......... . . . . . . . . . disse...

Azul é
Contribuinte o enche?

Anónimo disse...

essa senhora há muito perdeu a vergonha. Fala de tudo sem saber o que diz.
Haverá oposição credivel para nos salvar de desgraça a tempo?

Caparicano disse...

O Montijo tem habitação a mais, concordo. Contudo, o crescimento urbano é feito ATÉ à circular rodoviária, nada mais além deste eixo. Com Avenidas largas, ciclovias, comércio Q.B. e consonante com a envolvente. Enfim, uma cidade cada vez maior mas harmoniosa.

Almada não passa de um gigantesco subúrbio que cresceu pra todos os lados sem o mínimo de sentido ou lógica.

pedro barros disse...

Não se deve usar a internet ou o sistema de blogs para calúniar, denegrir, recorrendo ao anonimato criminoso. É fácil injuriar quando se está anónimo, não é? Devia era ter vergonha e respeitar as regras do civismo. Se quer manifestar o seu desagrado num registo digital de periodicidade frequente, de cariz público e municipal, coloque o seu nome na assinatura do blog e já agora coloque a sua fotografia... Já imaginou se fosse tudo anónimo como seria o mundo? O governo, o jornalismo, as autarquias...era muito estranho não era? Tenha juizo.


Sabia que ainda vivemos num estado democrático com liberdade de expressão, mas onde estão previstas situações juridicas que protegem o bom nome das pessoas singulares e colectivas?

José Lopes disse...

PontoNegro

Dê a cara e assuma aquilo que escreve. Não vale de nada criticar quando se esconde cobardemente atrás de um blog anónimo. Tem medo de quê, diga lá?
Que o acusem de injúria, calúnia ou difamação? Tenha tino nessa cabeça e se quer participar civicamente, tenha a decência de dar a cara e o seu nome às suas palavras.

Há muitos participantes aqui que têm a nobreza de espírito de se fazerem identificar. Você é que não.Quem não deve não teme, ou quem teme é anónimo?

Anónimo disse...

Bem, há 25, 30 anos em termos económicos, Almada significava 4º, 5º lugar no País, hoje em dia significa 25º, 30º!!! Mais palavras para quê? Façam mais fogos de artifício, como a populaça gosta, que estão no bom caminho. Epá

Anónimo disse...

pedro lopes e josé barros, os autarcas são figuras públicas responsavéis pelas gestão de bens públicos, em nome do povo que os elegeu em eleições onde não se vota com o braço no ar.

Querem ver que certas leis que se pretendiam ver suspensas de repente passaram a ser boas...

Anónimo disse...

Essa água está mt limpinha para ser a do rio Tejo :)

Anónimo disse...

Calma!

A imagem é o retrato da região daqui a 20 anos...com as ETARES todas a funcionar em pleno...

Anónimo disse...

Gostaria de fazer lembrar o seguinte sem desculpar o erro! O Montijo é só um dos 29 Municípios mais ricos do pais, como Palmela, Setúbal, Sesimbra e Alcochete, segundo os registos de 2006.
in O-Catraio