quinta-feira, setembro 18, 2008

SEMANA DA MOBILIDADE, ESTALINISMO NO ALCATRÃO


Denunciámos a existência no Seixal de uma passadeira com um rail ao fundo! A Autarquia fez uma passagem no rail ? Não , apagou a passadeira !!!

Todos os anos por esta altura tem lugar uma iniciativa europeia denominada Semana Europeia da Mobilidade .
Portugal não tem sido excepção e muitas têm sido as autarquias que têm aderido a este evento , tal como ao Dia Europeu Sem Carros.

Considero que toda e qualquer manifestação neste sentido que tenha unicamente um propósito folclórico e não um resultado objectivo e perene é um mero desperdicio , uma desonestidade politica e uma farsa ambiental , uma vez que não é proibindo um dia o tráfego automóvel mostrando para a "fotografia" um magote de gente a desfrutar da bicicleta, dos patins ou do skate que se vai alterar seja o que fôr.


Pode por exemplo comprovar isto vendo o que não se tem feito em Almada , uma autarquia que cumpre todos os anos esta farsa durante uma semana num espaço limitado do concelho, para no resto do ano ser o caos total em termos de mobilidade em todo o território.

Este ano, na Margem Sul do Tejo, uma região privilegiada para criar por exemplo uma rede integrada de ciclovias, sómente Almada, Alcochete, Moita e Montijo participam neste evento.


Um Concelho de grande densidade populacional como o Seixal e tremendos problemas de mobilidade, não participa , o que considero coerente, na medida em que durante todo o ano nada fazem em promoção de transportes alternativos ou criação de ciclovias e percursos pedonais , ou manutenção de passeios realmente utilizáveis por peões, nomeadamente de mobilidade reduzida...e até retiram passadeiras para peões...


Deixámos em Julho (clique) o repto à Câmara do Seixal para pelo menos retirarem o rail que há anos não permitia que a passadeira da imagem superior fosse utilizada em plenitude e sem obstáculos , o que fez a Câmara do Seixal depois da risada provocada pelas imagens e pelo post aqui publicado ?

Pois , não retirou o rail numa operação simples , e sem custos, parece que agastados pela nossa denúncia, retiraram... a passadeira... (imagem inf.) num percurso utilizado por muitos para acesso pedonal ás superfícies comerciais ali instaladas ...

Uma Câmara que assim trata os acessos pedonais e a mobilidade não automóvel é uma Câmara de Incompetentes!

Fizeram bem em não se associar à Semana Europeia da Mobilidade , este exemplo é digno do Terceiro Mundo !

8 comentários:

ex-militante disse...

Esta é demais ! Estão a atingir uma alto grau de demência.

Anónimo disse...

Antigamente apagavam as imagens dos opositores caídos em desgraça, das fotografias oficiais. Agora correm a apagar as provas da sua incompetência com uma incomperência ainda maior: São mesmo Burros ?

Anónimo disse...

Será que na vaga de assaltos naquela zona roubaram também a passadeira?
Será que a passadeira se apagou com as primeiras chuvas?

Anónimo disse...

Bom trabalho! Cada vez este blog está mais completo, é só asneiras!

Ponto Verde disse...

Temos sofrido um irritante problema técnico , já percebemos que o a-sul não está a receber comentários, não faz actualizações ou alterações.

As indicações de erro do blogger são uma constante.

Somos alheios ao facto, esperando que em breve tudo volte à normalidade.

Ana disse...

Permita-me felicitar o anónimo das 9:15 pelo momento de bom humor que me proporcionou, obrigado.
Penso que seja a "ressuscitação do lápis azul", agora em outros tons.
Se se pudesse fazer o mesmo a muito boa gente................

Daniel Geraldes disse...

Caro A-sul,

pelo que conta, estão a tentar fazer-lhe o mesmo que fizeram com o Povoa Online, que depois passou a Povoa Offline, é uma vergonha.

Simao disse...

Tas a gosar ou q?
Achas que isso e assim?
Tentem parar-nos ainda fazemos pior!
Isso do graffiti do seixal n e bem assim nao foi so graffiti ue houve la informa-te primeiro antes de diseres isso!
GRANDA TOY QUE TU ES!
Informa-te primeiro pa! VIVA O GRAFFITI! SKAN-ONE K-GLOCK krew
Respect nao leves isto como um insulto mas como uma chamada de atençao