quarta-feira, novembro 18, 2009

OMITINDO A VERDADE VOS ENGANARAM (8)


Como vemos o IC 32 (CRIPS) , foi bem espremido quanto à propaganda pré eleitoral da Câmara do Seixal.

Uma só obra pública , mas muitos cartazes municipais ...

Mas aqui em Coina, as mesmas omissões das Laranjeiras (que é como quem diz , Pinhal dos Frades - Flôr da Mata ) nada de definir qual o caderno de encargos desses 13 Km no Município do Seixal de uma via que vai servir também os municípios de Almada, Barreiro e Moita .

E a questão que surge à cabeça é se vão ser portajados ou não ... mas que grande omissão senhores autarcas !!!

3 comentários:

correio da manhã disse...

17 Novembro 2009 - 00h30
Seixal: Agentes seguiam BMW de gang envolvido em tiroteio na Amora
Perseguição da PSP fere polícias e bebé
Os três agentes já tinham sido chamados a travar dois tiroteios de gangs rivais no Seixal, pelas 21h15 de domingo. Um na Arrentela; logo a seguir na avenida Marcos Portugal, Amora. E, neste último, por entre a confusão, uma carrinha BMW escapou a alta velocidade com um grupo armado em direcção ao Seixal. Logo atrás, o carro-patrulha da Divisão da Torre da Marinha da PSP no seu encalço – até que se envolveu num acidente com quatro automóveis, provocando cinco feridos, entre eles um bebé que seguia de carro com a mãe.

O combate à noite de violência na Margem Sul acabou assim em plena avenida Afonso Costa, também na Amora. A meio da perseguição, a condutora de um Opel Corsa não se apercebeu da marcha de urgência accionada pela PSP e virou à esquerda num cruzamento "sem assinalar a mudança de direcção", garante fonte policial.

O carro-patrulha bateu-lhe, o condutor da PSP perdeu o controlo, despistou-se e seguiu-se um autêntico rasto de destruição. Um poste de electricidade foi arrancado e caiu sobre o passeio. Mais três carros que estavam estacionados foram atingidos pelo carro-patrulha desgovernado. Resultado: os três agentes e a outra condutora tiveram de ser transferidos para o Hospital Garcia de Orta, em Almada – enquanto um bebé de meses, filho da condutora, foi assistido no local, encontrando-se bem.

As outras quatro vítimas sofreram escoriações na cabeça e nos membros, mas já tiveram alta. Enquanto isso, o grupo armado na carrinha BMW escapou. Ao que o CM apurou, durante o dia de ontem não foram feitas quaisquer detenções.

"NÃO SEI QUEM VAI PAGAR"

Rosa Neves soube da destruição do seu Ford Fiesta pelo telefone. Regressava do funeral do irmão quando recebeu o telefonema. "Disseram-me que o nosso carro se tinha envolvido num acidente e eu fiquei sem saber o que pensar, porque sabia que o tinha deixado estacionado", explica, incrédula. O carro da mulher de 57 anos foi um dos três apanhado pelo carro-patrulha da PSP desgovernado. "Está aqui um grande prejuízo. Já fui à esquadra e estou a tratar da coisas com o seguro. Ainda não sei quem vai pagar o prejuízo", lamenta. Os moradores ficaram em choque. "Quando ouvi o estrondo, vim à rua para saber o que se passava. Ainda tentei ajudar alguns dos feridos, porque vi que um dos agentes tinha um golpe na cabeça e deitava sangue por um ouvido", diz Bruno Reis. O empregado de mesa, de 33 anos, testemunhou o apoio às vítimas. "A criança de colo foi levada para a ambulância e a mãe, que estava em pior estado, foi levada ao hospital."

Anónimo disse...

Que terá Alfredo Monteiro que dizer desta situação que ocorreu em Amora esta semana? Nada? Cala-se como se isto não fosse o resultado do concelho que ele e os seus camaradas comunistas criaram ao longo dos anos de 35 anos. Marginalidade mais marginalidade. É este o concelho que Alfredo Monteiro não se cansa de propagandear para que toda a gente siga este concelho. Um concelho onde já foi agradavel viver antes da destruição comunista. Aguardamos que o presidente da Câmara se pronuncie é ou não uma autoridade no concelho? tem ou não tem responsabilidades no que cá se passa? tem ou não tem responsabilidades perante os eleitores deste concelho? Ou é só andar de BW e ir aos jantares? E gastar mal gasto o nosso dinheiro dos impostos e contribuições? O caso é sério os moradores na envolvente da jamaica esperam soluções por parte da camara para resolver o problema da violência num bairro deixado criar pela camara do seixal. Um bairro de marginalidade que só existe devido à incuria e à incompetência do presidente da camara.

António Cardoso disse...

Boa noite a Todos,
Embora não fosse meu objectivo comentar este post não posso deixar de lamentar a crescente sensação de insegurança que se vive neste País, e aqui mais concretamente neste Concelho. Um dia destes comentava com um amigo meu de umas férias que passei na aldeia dele no Alentejo. Naquela altura todas as portas das casas estavam abertas e embora houvesse mais pobres do que hoje havia mais respeito e autoridade. Hoje sei que até mesmo nesta aldeia as portas estão quase sempre fechadas pois os idosos deixaram de ser respeitados e fonte de experiencia para serem olhados como pessoas mais vulneraveis. Só passaram +- 20anos.
Votos de Melhoras para o bébé e restantes inocentes.

DOMINGO, DIA 22 DE NOVEMBRO PELAS 16H, NA ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DO PINHAL DO GENERAL, VENHA PARTICIPAR NO FORUM DO PROJECTO “VIVER PINHAL DO GENERAL”.

D + PELO PINHAL DO GENERAL!
PARTICIPE!

UM BEM-HAJA!